Aromáticas e Medicinais

4 aromáticas para semear ou plantar agora

Não falta muito para acabar o verão, por isso aproveite o bom tempo enquanto dura! Acrescente novas plantas aromáticas à sua horta, seja no jardim ou na varanda, ou aproveite para criar uma agora. Veja de seguida quatro aromáticas que pode plantar ou semear já:

1. Plante coentros

  • Coriandrum sativum
  • Exposição solar – Sol
  • Solo – Qualquer tipo
  • Época de floração – Maio-setembro
  • Cor da floração – Branca
  • Ciclo de vida – Anual
  • Época de sementeira/plantação: Pode semear ou plantar em qualquer época do ano
  • Densidade de plantação – 6-8 plantas por metro quadrado
  • Floreira – Diâmetro de 15-20 cm; 2 a 3 plantas sozinhas num vaso
  • Colheita – 2 meses após a sementeira ou 15 dias a 1 mês após plantação
  • Necessidades em água – Não gosta de água em excesso nem da secura extrema
  • Manutenção – Vá cortando à medida das suas necessidades, convém ter vários vasos semeados em diferentes alturas do ano, pois é uma planta sensível e não dura muito tempo. Devem ser cultivados sozinhos, pois por veses inibem a germinação de sementes de outras plantas, como o funcho.
  • Propriedades – Para além da utilização como condimento (tanto folhas como sementes), a sua infusão é um excelente combatente da fadiga e das enxaquecas.

2. Semeie salsa

  • Petroselium crispum
  • Exposição solar: Meia sombra.
  • Solo: Ligeiro e fresco, bastam-lhe cerca de 20cm de profundidade para se desenvolver.
  • Ciclo de vida: Bienal.
  • Época de floração: Setembro-outubro.
  • Cor da floração: Amarela.
  • Época de sementeira/plantação: Todo o ano
  • Densidade de plantação: Seis-oito plantas por metro quadrado.
  • Floreira: Quatro-cinco plantas (floreira de 30-40 cm de comprimento ou diâmetro).
  • Colheita: Dois meses após a sementeira, 15 dias a um mês após a plantação.
  • Necessidades de água: Gosta muito de ser regada.
  • Manutenção: Se tiver o cuidado de manter a salsa na meia sombra e a for cortando à medida que necessita, terá salsa toda a época de primavera, verão e outono. Se consome muito, plante vários pés, quer na horta quer na varanda.

3. Plante ou semeie cebolinho

  • Allium schoenoprasum
  • Ciclo de vida: Perene (mas normalmente cultivada como anual)
  • Altura: 0.10-0.15 m
  • Época e cor da floração: Primavera-verão; roxa
  • Época de sementeira/plantação: Ambas em qualquer época do ano
  • Época de colheita: Qualquer altura do ano
  • Local de cultivo aconselhado: Varanda, terraço ou no interior de casa desde que tenha mais de seis horas de luz por dia
  • Rega: Regue regularmente mas evite o excesso de água pois não aguenta o encharcamento. Quando fica amarelo é sinal de excesso de água, suspenda a rega durante algum tempo.
  • Substrato e fertilização: Utilize um substrato já fertilizado para aromáticas ou para hortícolas
  • Tipo de vaso/floreira: Qualquer recipiente desde que tenha um mínimo de 20-30 cm de comprimento ou diâmetro
  • Sugestões de plantação: Pode plantar ou semear em vasos ou floreiras, sozinho, ou se a floreira for grande juntamente com manjericão, salsa, coentros ou em volta de hortícolas como tomate ou pimento

4. Plante tomilho

  • Thymus vulgaris
  • Exposição solar – Sol pleno
  • Solo – Solos arenosos, bem drenados e com ph ligeiramente calcário (não gostam muito dos substratos universais, convém misturar-lhe alguma terra de jardim ligeiramente calcária).
  • Ciclo de vida – Perene
  • Época de floração – Maio-setembro
  • Cor da floração – Branca / cor-de-rosa
  • Época de sementeira/ plantação – Sementeira -abril-maio; Plantação – abril–maio; setembro-outubro.
  • Densidade de plantação no terreno – 6-8 plantas/m2.
  • Floreira /vaso – Coloque-os sozinhos pois podem prejudicar o desenvolvimento de outras plantas, num vaso com cerca de 20-30 cm.
  • Colheita – Qualquer época do ano.
  • Manutenção – Necessita de uma poda anual no início da primavera, esta poda é indispensável e fomenta o aparecimento e crescimento de novos caules e folhas. Os tomilhos aguentam até cinco anos sem serem mudados de vaso, ao fim desse tempo convém substitui-los. São plantas que pelo seu aroma afastam alguns dos insetos prejudiciais, logo são indispensáveis para a luta biológica.
  • Necessidades em água – Necessita de pouca água (uma rega semanal). Não aguenta excesso de água nem solos mal drenados.

A importância de um substrato adequado

As plantas aromáticas são muito sensíveis, por isso é essencial que sejam plantadas ou semeadas num substrato que se adeque às necessidades delas. Além disso, plantas alimentadas com o substrato certo ficam menos sujeitas a pragas e doenças.

Aquele que recomendo é o Bio-Substrato Especial para Plantas Medicinais e Aromáticas da Siro. Este substrato é especialmente concebido para plantação e transplante de plantas medicinais e aromáticas em vaso e canteiros. Devido à sua estrutura fina, pode ser utilizado para sementeira em alvéolos. Além disso, é biológico, concebido à base de húmus de casca de pinho compostada e turfas loiras, contendo ainda na sua composição uma fertilização orgânica biológica.

Para saber como semear ou plantar aromáticas veja os nossos tutoriais: 

Vídeo: Semear plantas aromáticas

Vídeo: Plantar aromáticas em vaso

Descubra mais substratos para as suas plantas aqui.

Powered by Siro

Fotos: Thinkstock

Poderá Também Gostar