Notícias

Ajude a reflorestar Portugal até 30 de novembro

O sobreiro é uma das árvores que poderá ajudar a plantar.

 

Até ao dia 30 de novembro, plantar uma árvore em áreas de Portugal que mais sofreram com os incêndios custa apenas três euros. A iniciativa “Uma Árvores pela Floresta” é organizada pelos CTT e pela Quercus e vai permitir que o público ajude a “florestar com espécies vegetais autóctones alguns Parques Naturais do nosso país e zonas afetadas pelos recentes incêndios,” de acordo com os CTT.

Participar para ajudar

Para o fazer, basta deslocar-se a uma das 291 lojas CTT aderentes e comprar o kit “Vale uma Árvore” por três euros. O kit representa a doação de uma árvore a ser plantada e traz um código que permite registar a árvore no site da iniciativa. Se fizer o registo, pode receber notícias sobre o progresso da mesma, saber em que bosque foi plantada ou mesmo dar-lhe um nome.

Por cada uma das doações, uma árvore (ou arbusto) será plantada pela Quercus até à primavera de 2018, “quer em áreas classificadas do Norte e Centro de Portugal (Serra do Gerês, do Alvão, do Marão, de Montemuro, da Estrela e o Tejo Internacional), quer no concelho de Castanheira de Pêra,” um dos mais afetados pelos incêndios deste ano.

Serão 28 as espécies a ser plantadas, entre as quais o castanheiro, o loureiro, o azevinho, o sobreiro e a cerejeira-brava.

Prevenir mais incêndios

“Com este projeto pretende-se promover a criação de bosques autóctones, os quais oferecem uma maior resistência à propagação dos incêndios e são os que mais amenizam o clima, promovem a biodiversidade e protegem a nossa paisagem, a água e os solos,” disse a Quercus em comunicado.

A iniciativa teve início em 2014 e já venceu dois prémios internacionais.

Mais informações no site da campanha.

Foto: Pixabay

Gostou deste artigo? Siga a Jardins no Facebook e no Instagram.

Poderá Também Gostar