Plantas e Flores

Antidepressivos naturais: camomila, erva-cidreira e muito mais

Infelizmente, Portugal é um dos maiores consumidores de ansiolíticos e antidepressivos da Europa; usa-se e abusa-se destes fármacos sem medir as consequências e as contraindicações a vários níveis – as mais comuns são a sonolência, a perda de memória e de concentração.

Mas existem várias soluções no fantástico reino das plantas. As plantas nutrem e revitalizam o organismo sem tantos efeitos adversos como os fármacos de síntese. Podemos tomá-las em infusões, em cápsulas ou usando os óleos essenciais, em massagens relaxantes, ou, simplesmente, embrenharmo-nos no meio delas e deixarmo-nos embalar pela tranquilidade que o verde inspira.

Plantas mais utilizadas para relaxar o sistema nervoso

Erva-cidreira

Também conhecida por melissa,  é um excelente calmante do sistema nervoso (sobretudo quando este provoca distúrbios digestivos): alivia palpitações  e alterações cardíacas.  É, ao mesmo tempo, um tónico  e um relaxante para a ansiedade, e ajuda em casos de depressão ligeira. Tomar 2 a 3 chávenas de infusão por dia feitas com a planta fresca ou seca.

Tília

A tília é um bom antiespasmódico, aliviando tensão e dores de cabeça. Ajuda a acalmar, estimula o sono e ajuda a tratar palpitações nervosas associadas a ataques de pânico. Em casos de hipertensão de origem nervosa, a tília pode funcionar como hipotensor.

Alfazema

Trata dores de cabeça de origem nervosa pela sua ação antiespasmódica,  sedativa  e relaxante. Pode tomar-se uma infusão das flores ou colocar uma saqueta de alfazema (flores e folhas) debaixo das almofadas para ajudar a dormir. Com o óleo essencial de alfazema diluído num óleo vegetal (grainha de uva, sésamo, azeite, abacate, girassol, etc.), pode confecionar um agradável óleo de massagem anti-stress. Muito útil em bebés nervosos e crianças hiperativas.

Hipericão

Um antidepressivo e ansiolítico por excelência, melhora o sono e reduz a ansiedade. Não causa habituação. Um dos remédios naturais mais vendidos em extrato, cápsulas ou infusão. Bonito e fácil de cultivar nos jardins.

Valeriana

Uma das melhores plantas para tratar as insónias, o cansaço e as palpitações cardíacas. Melhora o humor, a concentração e a qualidade do sono e não cria habituação. Alivia ansiedade crónica e hiperatividade. É usada para quem quer deixar  de fumar já que reduz a ansiedade e o nervosismo. É uma bonita planta de jardim da qual se utilizam as raízes.

Camomila

Calmante do sistema nervoso e digestivo, muito usada em crianças pela sua ação suavizante e antiespasmódica. Usa-se essencialmente em forma de infusão ou na água do banho.

Flor de maracujá ou Passiflora

Útil para combater o stress, a ansiedade e o desmame de ansiolíticos e hipnóticos convencionais, mais eficaz para este efeito se for associada ao pilriteiro. Toma-se em gotas, em cápsulas ou em infusão.

Flor de laranjeira

O óleo essencial de laranjeira amarga, conhecido por nerol, e a água de flor de laranjeira são excelentes sedativos. A infusão das flores é um remédio tradicional para as insónias e estados de ansiedade. As flores maceradas em azeite ou outro óleo vegetal constituem um agradável e relaxante óleo de massagem.

Pilriteiro, Crataegus ou espinheiro-branco

Excelente ansiolítico, melhora a qualidade do sono, da memória e da circulação cerebral. Alivia enxaquecas e cansaço nervoso. Regulariza o ritmo cardíaco e trata insuficiência cardíaca crónica. Usam-se as bagas, folhas e flores em infusão, cápsulas ou extratos.

Rosas

As rosas têm propriedades calmantes do sistema nervoso, a sua textura, perfume e delicadeza fazem bem ao corpo e à alma. Junte pétalas no banho ou faça uma maceração das rosas mais perfumadas em vinagre ou em mel e use-o para barrar o pão ou adoçar uma infusão.

Receita: mel ou vinagre aromatizado com pétalas de rosas

Num frasco de 1 litro, junte as pétalas das rosas mais perfumadas que tiver. Adicione vinagre ou mel até cobrir todas as pétalas e deixe no parapeito da janela durante um mês. Coe e utilize para temperar saladas ou adicionar a molhos. Pode tomar três colheres de sopa por dia do vinagre diluído em água morna; é um calmante natural.

Fotos: Pixabay

Gostou deste artigo? Siga a Jardins no Facebook e no Instagram.

Poderá Também Gostar