Plantas Ornamentais

Como cultivar Telopeas

Telopea ‘Shady Lady Crimson’.

 

É impossível não reparar numa Telopea: as flores captam o olhar com o seu exoticismo e cores vibrantes. Nativas da Austrália, estas plantas são membros da família das Proteáceas, juntamente com as próteas, as banksias, e muitos outros géneros. É a flor oficial do estado australiano de Nova Gales do Sul.

Neste artigo, explicamos quais são os cuidados necessários para cultivar com sucesso uma Telopea speciosissima no seu jardim.

Descrição

A Telopea speciosissima pode ter a forma de arbusto ou árvore que pode chegar aos três metros. O tamanho e a forma das flores da Telopea podem variar muito, assim como as cores, embora a maioria sejam cor-de-rosa ou vermelhas. O nome Telopea significa “vista de longe” e speciosissima significa “a mais bonita.” Existem vários cultivares desta planta, como a Shady Lady Crimson ®, a Shady Lady White ® ou a Dawn Fire ®. Além de ficarem muito bonitas num jardim ou mesmo em vaso, as Telopeas são muito utilizadas como flores de corte, em jarras. Em Portugal, a floração das Telopeas decorre, geralmente, entre fevereiro e abril.

Telopea ‘Shady Lady White’.

Cultivo

Plantação

As Telopeas devem ser plantadas pelo menos com 1,5 metros de distância ou em vasos muito grandes. O local deve ter, idealmente, sol da manhã – não gostam de sombra total nem de muito sol direto. A nível de temperaturas, as Telopeas conseguem aguentar até oito a dez graus negativos. Este fator contribui para que sejam das próteas mais vendidas no interior de Portugal.

Substrato

Deve ser arenoso e argiloso, bem drenado, pobre em nutrientes (especialmente em fósforo) e com pH ácido ou neutro. Convém colocar mulch orgânico, como folhas, por cima das raízes da planta.

Rega

Devem ser regadas com uma regularidade que lhes permita ter as raízes sempre húmidas, mas não molhadas.

Fertilizante

Fertilize a planta com um adubo baixo em fósforo e de libertação lenta depois da floração.

Poda

A poda é muito importante para as Telopeas. Deve cortar os ramos mais fracos e, depois da floração terminar, é necessário podar cerca de três quartos da planta para que volte a florir abundantemente no ano seguinte.

Veja o vídeo: Como plantar e cuidar de próteas

Fotos: Flora Toscana

Powered by Flora Toscana

Poderá Também Gostar