Passo a Passo

Como plantar uma salada

Numa manhã de sol, saímos para o jardim para plantar uma salada em família. Este tipo de atividade não só proporciona um tempo de qualidade, exploração e descoberta, como promove o interesse e a curiosidade das crianças pelos alimentos que plantam, acompanham e veem crescer. Este projeto é de médio-longo prazo e precisa de ser acompanhado regularmente. Mãos na terra e bom trabalho!

Material necessário

  • Talhão de terra ensolarado ou recipientes, se se vai plantar em vaso
  • Composto orgânico
  • Ferramentas de jardinagem infantis (sacho, ancinho, regador)
  • Plantas escolhidas em função do gosto de cada família (sugestão: alface, tomate, pimento, cebola, tagetes)
  • Sementes (Sugiro rúcula, coentros e espinafres)

Passo a passo

1- A preparação do solo é muito importante. Tem de se ajudar as crianças a misturar o composto orgânico no solo.

2- Para cada planta tem de se abrir uma cova de plantação (no mínimo duas vezes o tamanho do torrão da planta), depois colocar a planta, encher a cova com composto e aconchegá-la. A distância a que ficam as plantas está diretamente relacionada com o tamanho que atingem na altura da colheita. Não é obrigatório plantar em linha. É mais divertido inventar formas e misturar plantas, mantendo as distâncias necessárias para que se possam desenvolver. Podemos também plantar em vaso ou em floreira, que deve ser cheia com composto.

3- Depois de plantar ou semear, é importante regar bem para aconchegar a raiz da planta ou a semente ao solo. No caso das sementeiras, é muito importante manter o solo húmido até à germinação (quando a plantinha começa a aparecer à superfície).

4- Quando as plantas começam a crescer, relembrem as crianças que devem retirar as ervas daninhas e manter o solo arejado.

5- Não se esqueçam de continuar a regar as plantas e de lhes dar alimento (adubo) uma vez por semana, seguindo sempre as instruções da embalagem.

6- Agora é preciso esperar até a altura em que os frutos e legumes estão prontos para ser colhidos e comidos – é preciso ser paciente!

7- Plantámos flores (tagetes) por duas razões: porque estas plantas atraem ao nosso jardim predadores (animais que comem os inimigos das plantas) e porque as pétalas das suas flores, além de bonitas, também podem ser colocadas na nossa salada para serem comidas.

Sabia que…
  • Devemos começar um projeto pequeno, que possamos acompanhar e ir aumentando gradualmente.
  • As plantas da horta precisam de muito sol para crescerem e desenvolverem-se bem (cinco a seis horas de sol/dia).

Dica: As sementeiras podem ser feitas diretamente no solo ou em vaso. A segunda opção permite um maior controlo e um acompanhamento mais fácil. Em qualquer caso, devem-se  seguir sempre as indicações escritas nas embalagens.

Fotos: Marta Vassalo Monteiro

Gostou deste artigo? Subscreva o nosso canal no Youtube e siga-nos no Facebook, no Instagram e no Pinterest.

Poderá Também Gostar