Notícias

Festa da Flor na Madeira: últimos dias com concertos e animação

festa da flor

A Festa da Flor, no Funchal, Ilha da Madeira, termina este domingo, dia 21 de maio. Depois de quase uma semana de comemoração das flores, é com concertos que a festa encerra, com promessas de voltar em 2018.

Hoje, dia 19, o Palácio de São Lourenço recebe o concerto Barroco “Jardim Harmónico”, com bandolim e cravo. No sábado, dia 20, terá lugar na Igreja Inglesa o recital de canto lírico “As Flores Musicais”. No último dia, 21, o concerto romântico vai levar temas de filmes à Fortaleza de S. Tiago. O tema é “O Som das Flores” e tem voz, piano, bateria e bandolins.

festa da flor

Invasão de flores e turistas

Conhecida como “Ilha das Flores”, a Madeira reforça ainda mais esta ligação durante a Festa da Flor. A edição deste ano foi marcada pelo Grande Cortejo Alegórico da Flor, no dia sete, que contou com a participação de quase 1.500 figurantes, divididos por 10 grupos. O Mercado das Flores foi outra iniciativa que permitiu dar a conhecer ao público diversas flores da região. Também a Exposição da Flor, uma tradição antiga, permitiu admirar exemplares de destaque de flores locais, que foram avaliadas por um júri. O Madeira Auto Parade, um desfile de carros clássicos, os workshops, os tapetes de flores e o Muro da Esperança, desfile de crianças empunhando flores pela paz, foram outras pinceladas que deram cor à Festa.

Mais do que abelhas, as flores da Festa da Flor atraíram milhares de turistas. O Governo Regional da Madeira estima que a ocupação hoteleira, até 21 de maio seja de 90%, avançou a RTP.

festa da flor

Uma festa com história

A história da Festa da Flor começou em 1954, quando se realizou, no Ateneu Comercial, a Festa da Rosa. “A constatação de que grande parte dos madeirenses se dedicava ao cultivo das flores levou ao convite para que as expusessem, num evento que concluía com a atribuição de prémios às melhores flores. Esta exposição/concurso, pelo sucesso alcançado, continuou a repetir-se sob a denominação de Festa da Flor,” como refere o Turismo da Madeira. Nos anos 1970, a celebração sai para a rua, cimentando o seu estatuto icónico.

Fotos: Visit Madeira

Siga-nos no Facebook e no Instagram.

Poderá Também Gostar