Plantas

Lilás, plantas deliciosamente perfumadas

Apesar de muito resistente, o lilás (Syringa vulgaris) não suporta drenagem deficiente. Proporcione todo o Sol possível e a fragrância das suas flores inundará o jardim a partir desta época.

Simples, duplas ou semi-duplas; brancas, amarelas, rosas ou violetas; reunidas em panículas cilindricas ou piramidais, as flores das mais de 30 variedades que constituem o género Syringa têm em comum a deliciosa fragrância que expelem a partir do momento em que abrem, no início da primavera. Este é o principal atrativo destas árvores e arbustos mas não o único: as folhas caducas em forma de coração, de cor verde mate, suave ou mais escuro de acordo com a espécie, são também muito atrativas. Por outro lado, a copa arredondada que não se eleva acima dos 5 metros, encaixa na perfeição em todo o tipo de jardins de quaisquer dimensões. A espécie mais cultivada é sem dúvida a Syringa vulgaris nas suas numerosas variedades, que se diferenciam entre si, sobretudo, na cor das flores. A Syringa vulgaris “Belle de Nancy”, uma das mais conhecidas, produz grandes e compactas panículas de flores duplas de cor rosa malva.

Guia de manutenção

Plantação

Na primavera ou inverno. Depende da zona onde vai colocar a planta. Em locais mais quentes, não haverá problemas para enraizar a partir do Inverno, enquanto nas mais frias convém atrasar um pouco esta tarefa. Enriqueça o terreno com matéria orgânica antes de instalar a planta e regue abundantemente.

Localização

Sol pleno. Embora a sombra parcial não seja prejudicial, prefere Sol pleno, que permite floração bonita e abundante. A incidência directa dos raios solares estimula o aroma das flores.

Terreno

Bem drenado. Não suporta encharcamentos e essa é a sua principal exigência quanto ao tipo de solo. Gosta das raízes frescas e embora prefira solos ligeiramente alcalinos, neutros ou argilosos, adapta-se sem problemas a qualquer outro tipo de terreno.

Rega

Sem excessos. Água suficiente para manter frescas as raízes é tudo o que o lilás necessita. O que exceda esta dose é supérfluo e pode estragar a planta. As plantas jovens e as que crescem em vasos necessitam regas frequentes.

Multiplicação

Por estacas. No verão, corte estacas dos ramos laterais saudáveis e unte o material com hormonas de enraizamento. Depois, coloque as estacas numa mistura de areia e turfa.

Fotos: Pixabay

Gostou deste artigo? Siga-nos no Facebook, no Instagram e no Pinterest e subscreva o nosso canal no Youtube

Poderá Também Gostar