Passo a Passo

O meu jardim de hortelãs

As mentas, também conhecidas por hortelãs, são plantas herbáceas vivazes, e reúnem numerosas espécies, das quais muitas são cultivadas pelas suas propriedades aromáticas, condimentícias, ornamentais ou medicinais. É uma espécie que se adapta a diferentes tipos de solos ao ponto de, em muito casos, se tornar uma planta invasora. Por essa razão, vamos fazer o nosso jardim de hortelãs em vasos grandes, médios e pequenos e dispô-los da maneira que mais nos agradar.

Alguns tipos de hortelã

Mentha piperita (hortelã-pimenta)

Usada como condimento na culinária, bem como em infusões, utilizando as«folhas da planta. Os talos triturados são muito bons contra picadas de insetos. As folhas frescas em infusão facilitam a digestão.

Mentha pulegium (Poejo)

Em Portugal, é usada para culinária, infusões e também para o fabrico de licor, principalmente no Alentejo.

Mentha spicata (hortelã-verde, hortelã-comum)

É utilizada como tempero em culinária, como aromatizante em certos produtos alimentares.

Mentha rotundifolia ‘ananas’ (hortelã-ananás)

Esta menta tem uma folhagem muito colorida, passa de verde a púrpura, com um lado azul e os caules são avermelhados! Mas é sobretudo pelo seu delicioso perfume que é cultivada, tem uma fragrância doce e suave. É uma planta vigorosa que cresce em qualquer solo e que rapidamente se espalha.

Hortelã-pimenta-chocolate (Mentha x piperita citrata chocolate)

Muito utilizada na perfumaria e ainda na confeção de sobremesas.

Como fazer

Material necessário

• Recipientes furados (vasos, cestos, garrafões de plástico, etc.)

• Terra vegetal

• Argila expandida (para a drenagem)

• Mentas várias

Passo a passo

1. Fazer a drenagem e colocar o composto nos vasos.

2. Fazer a cova de plantação.

3. Aconchegar as plantas.

4. Regar as plantas.

Fotos: Marta Vassalo Monteiro

Leia também: Como cultivar hortelã

Siga-nos no Facebook e no Instagram.

Poderá Também Gostar