Hortícolas e Frutícolas

Sarraceno para combater a hipertensão

O Sarraceno (Polygonum fagopirum) faz parte da família das Poligonáceas e é uma planta que aquece e nutre. O trigo-sarraceno ou trigo preto, apesar da sua designação, não é um cereal mas sim um pseudo-cereal, nem pertence à família dos cerais (Gramíneas ou Poáceas) mas sim à família do ruibarbo, dos catacuzes (Rumex). É originário dos países da Europa do Norte, onde é muito utilizado.

Benefícios

Não contém glúten. Excelente remineralizante do organismo, contém muito magnésio útil para as células nervosas, ferro, cálcio, fósforo, flúor, magnésio e vitaminas do grupo B, E e P (rutina). Contém um aminoácido, normalmente ausente nos cereais, a lisina, e  ainda rutina e esculosida. Recomenda-se a grávidas, mães a amamentar, estados de convalescença, hipertensão, fragilidade intestinal, diarreia crónica, leucorreia, hemorróidas, frieiras frequentes, esgotamento intelectual e esforço cerebral.

Aumenta a circulação venosa dos pés e das mãos. Indicado nas estações frias e húmidas. O sarraceno é também uma planta muito importante e enriquecedora para o solo e as abelhas. Cozinha-se como o arroz integral ou pode adquirir-se também em farinha para a confeção de bolos, pão ou crepes muito comuns na Bretanha, onde lhe chamam blé noir. Em inglês é conhecido por buckwheat. 

Fotos: Pixabay

Siga-nos no Facebook e no Instagram.

Poderá Também Gostar