Tarefas da Semana

Tarefas da semana: 10 a 16 de dezembro

O Natal aproxima-se a passos largos, mas não é desculpa para descurar as suas culturas e tarefas. Embora esta seja uma época em que a jardinagem e a horticultura nos dão algum descanso, há muitas coisas que, se as fizermos agora, vão trazer benefícios mais tarde. Algumas delas são as sementeiras já para a primavera, podas de plantas de folha caduca, plantações de árvores e arbustos e proteção das culturas mais sensíveis do frio que se tem feito sentir. Na próxima semana as temperaturas sobem e parece que vem aí a tão necessária chuva por isso não descuide as pragas e as doenças, as malvadas das lesmas andam aí! Continue a ler e saiba tudo o que tem que fazer de 10 a 16 de dezembro.

Favas.

Nos dias 10 deve semear e plantar frutos

As leguminosas, segundo a Associação Portuguesa de Nutricionistas, devem fazer parte da nossa alimentação diária (25 g por dia o que equivale a duas colheres de sopa). As leguminosas em geral são uma excelente fonte de proteína e ricas em aminoácidos essenciais. Está na hora de semear as favas e as ervilhas, deliciosas, versáteis e tão típicas da culinária portuguesa. Semeie-as em local definitivo depois de preparar o terreno para esteja leve e solto e incorporar matéria orgânica. Pode semear em linhas afastadas 40 cm umas as outras, e as plantas 30-40 cm afastadas 30-40 cm, quando começarem a crescer devem conduzi-las com tutores pois são trepadeiras.

As favas são ricas em vitamina C, um poderoso antioxidante natural, em ácido fólico, essencial para o bom funcionamento do coração, do sistema imunológico e para a produção de glóbulos vermelhos. São ainda um antidepressivo natural pois são ricas em dopamina, um aminoácido que ajuda a melhorar o humor.

As ervilhas, são muito nutritivas, uma excelente fonte de hidratos de carbono e fibra, ricas em vitaminas A, B, C , E e K bem como em minerais  como o zinco, potássio, cálcio, magnésio e ferro.

Nabos.

Nos dias 11, 12, 13 e 14 pode e deve semear e plantar raízes

Esta semana é especialmente boa para o cultivo de plantas cujas raízes consumimos. O nabo é uma delas, deve ser semeado em local definitivo a profundidade de 0,5 cm. A germinação é muito rápida, normalmente ao fim de uma semana. Semeie em linhas com afastamento de 30-40 cm entre elas e de 20 cm entre plantas. Tenha o cuidado de ir tirando as infestantes. Pode usar para consumo as folhas (nabiças) ou a raiz (nabo), estes podem ser colhidos 40 a 80 dias após a sementeira.

O nabo é da mesma família das couves e da mizuna, nome cientifico é Brassica rapa. É consumido desde o tempo dos gregos e romanos, pouco calórico e rico em fibras, combate a prisão de ventre e contribui para a saúde do intestino. É anticancerígeno pois é rico em glucosinolatos que quando decompostos no nosso organismo são anticancerígenos naturais. Também é uma fonte de vitamina C e manganês que ajudam a combater os radicais livres.

Nas zonas mais quentes do país pode já começar a semear batata previamente grelada. Depois de sachado o terreno abra regos com 15 cm de profundidade e afastados 40 cm uns dos outros, coloque fertilizante orgânico no fundo e vá colocando os pedaços de batata com o grelo virado para cima, afastadas 20-30 cm entre si. Historicamente a batata é uma das culturas mais importantes do mundo. Muito nutritiva e rica em vitaminas do complexo B e C bem como em fósforo, ferro, potássio e cálcio. É também uma fonte de vitamina K importante para prevenção de cãibras e de acidentes vasculares.

Calêndulas.

No dia 15 pode semear e plantar flores

Pode e deve começar a fazer já as sementeiras das flores para a primavera. As calêndulas (ou maravilhas) são fáceis de semear e de manter e são indispensáveis no jardim ou na horta com as suas flores exuberantes amarelas ou cor de laranja, ótimas plantas para afastar os insetos das hortícolas. A gipsofila é uma planta perene com uma bonita floração branca que começa no final do inverno e se prolonga até ao final da primavera. Pode semear ambas em tabuleiro e transplantar mais tarde.

Mizuna.

No dia 16 pode semear e plantar folhas

Se nunca experimentou está na hora de semear mizuna, uma hortícola parecida com a alface, que é cultivada no Japão desde a antiguidade. O seu nome científico é Brassica rapa var.japonica e o seu cultivo é cada vez mais generalizado na Europa. Tem um sabor muito característico, meio picante e meio ácido, resulta muito bem combinada em cru com alfaces, espinafres, etc. Para comer em crú deve optar pelas folhas baby mais tenras e saborosas, as folhas maiores são ótimas estufadas ou cozidas a vapor. A mizuna tem propriedades anti inflamatórias, anti histamínicas e anti virais, o que faz dela um boa aliada da alimentação saudável.

Dias 15 e 16 combata as pragas e as infestantes

Com os dias mais húmidos as lesmas atacam as plantas e é uma grande chatice livramo-nos delas. Pode fazer armadilhas com cerveja, ou tentar caçá-las à noite (o que não é nada divertido). Pode usar produtos biológicos para as combater pois elas de facto fazem muitos estragos nas plantas.

Fotos: Pixabay, Thinkstock

Gostou deste artigo? Subscreva o nosso canal no Youtube e siga-nos no Facebook, no Instagram e no Pinterest.

Poderá Também Gostar