Tarefas da Semana

Tarefas da semana: 31 de dezembro a 6 de janeiro

O inverno está em pleno e começa um novo ano, uma ótima oportunidade para lançar a si próprio  desafios e hábitos mais saudáveis. Cultivar pode passar a ser um verbo a conjugar neste novo ano de 2018, o estilo de vida mais green está na moda e que seja uma moda para ficar.

No norte e no centro do país os dias estão muito frios e as sementeiras são mais tardias no exterior, mas no sul há já muitas plantas que pode começar a semear. Pode antecipar já algumas sementeiras em casa ou em estufa.

Nabos

Nos dias 31 e 1 deve semear e plantar raízes

No inverno algumas das hortícolas de excelência são os nabos e as beterrabas, semeie-os já garantir as colheitas a tempo. São muito fáceis de cultivar e o nabo é uma cultura rápida e muito saudável.

Existem muitas variedades de nabo (Brassica rapa) que podem ter formas achatadas, cónicas, e arredondadas e podem ser brancos, arroxeados ou amarelados. É um legume versátil pois comem-se as folhas (as deliciosas nabiças), as inflorescências (os famosos grelos de nabo) e a raiz (o dito nabo).

O nabo gosta de solos bem drenados, férteis e ricos em matéria orgânica, locais com luz e pelo menos 4 a 5 horas de sol direto por dia, o pH ideal é entre 6 e 7. O nabo é muito sensível à falta de boro, este nutriente nunca lhe deve faltar. A colheita é feita 40 a 80 dias após a sementeira.

Este legume muito rico em vitamina C, E e K, fibras e ácido fólico, ideal para dietas pois é muito rico em nutrientes e fibras e baixo em calorias. É um excelente purificador do sangue, laxante, expetorante e diurético.

Beterraba

A beterraba é versátil pois pode-se comer a raiz e as folhas que são deliciosas, normalmente  encarnadas ou arroxeadas. A que se utiliza para consumo doméstico é a Beta vulgaris.

É uma hortícola que gosta de zonas como sol direto, solos bem drenados, leves, profundos, sem pedras e ricos em matéria orgânica. As linhas de plantação devem ter  30 cm de distância e entre plantas. A colheita pode ser feita 60 a 90 dias após a sementeira.

A beterraba é muito rica em fibras, previne a obstipação intestinal e ajuda a reduzir os níveis de colesterol. É benéfica para o bom funcionamento do fígado e é um antioxidante natural.

Centáureas

No dia 2 pode semear e plantar flores

Para ganhar tempo e poupar dinheiro pode fazer já as sementeiras de flores de primavera-verão dentro de casa em tabuleiros. Quando os dias ficarem maiores e mais quentes transplanta-as para o exterior, normalmente quando a planta já tem 10-15 de altura e 4 ou 5 folhas definitivas.

Experimente semear calêndulas ou maravilhas, que têm a grande vantagem de ser flores comestíveis e com propriedades medicinais. Pode também semear centáureas, uma planta resistente e linda com a sua floração azul.

Couve-flor

Nos dias 3 e 4  deve semear e plantar folhas

Continua a época das couves, há muitas variedades e uma das mais interessantes é a couve-flor , uma hortícola de inverno. É cultivada pela produção de cabeças que não são mais do que botões florais mal desenvolvidos.

As cultivares com as cabeças brancas são as mais comuns, mas também há com as cabeças cor de laranja, roxas e verdes. São hortícolas muito sensíveis à falta de água e também à falta de nutrientes. Gostam de muita luz e sol direto. Devem plantar-se com uma distância entre linhas de pelo menos 60-90 cm e entre plantas de 45-60 cm.

É um legume rico em vitaminas C, K e complexo B (B6, B1, B2 e B3), e em minerais essenciais como o cálcio, fósforo, magnésio e potássio. Reforça o sistema imunológico, previne doenças cardíacas, é um antioxidante natural, baixo em calorias e rico em nutrientes.

Morangueiro com palha

Nos dias 5 e 6 deve semear e plantar frutos

Pode já começar a plantar uns dos frutos mais apetecidos no verão, os morangos.

Há dois tipos de morangueiros: os remontantes e os não remontantes. Os primeiros crescem continuamente entre junho e outubro, e pode tê-los na horta ou no jardim, ou mesmo em vaso. Já os não remontantes apenas produzem morangos uma vez entre abril e junho. Nesta altura pode plantar os morangueiros  remontantes em regiões menos frias, pois aguentam  frio no inverno e a florescem na primavera.

Os morangos para se desenvolverem  e produzirem frutos necessitam de pelo menos 6 horas de sol direto por dia. Não toleram a secura e preferem um solo com pH entre 5,3-6,5.

Para serem autónomos na produção de morangos, devem plantar 30 morangueiros (para uma família de 4 pessoas). Deixe uma distância entre linhas de 1 m e entre plantas de 50-60 cm. A produção de morangos é melhor se o solo se mantiver fresco e húmido, para tal pode recorrer à utilização de mulching com palha (o nome em inglês strawberry é exatamente por isso “baga da palha”).

Fotos: Thinkstock

Gostou deste artigo? Siga-nos no Facebook, no Instagram e no Pinterest e subscreva o nosso canal no Youtube.

Poderá Também Gostar