Tendências

Tendências 2017/2018: jardins citadinos e multifuncionalidade

jardins citadinos

Jardinar em apartamentos citadinos, mobiliário multifuncionalconforto e a cor verde são as maiores tendências de jardins e exteriores em 2017 e 2018. Quem o diz é a spoga+gafa, a maior feira de jardins do mundo, que acontece em Colónia, Alemanha, de 3 a 5 de setembro.

Jardinar na cidade

“Cenouras em vaso ou salada em caixa: é com entusiasmo que os habitantes das grandes cidades seguidores das tendências e até mesmo o ator de Hollywood Liam Hemsworth cultivam os seus próprios vegetais,” refere a spoga+gafa. A jardinagem urbana é cada vez mais comum: um estudo conduzido na Alemanha pela GfK concluiu que 39% dos consumidores que têm jardim ou varanda utilizam-nos para o cultivo de frutos, hortícolas ou aromáticas.

E as marcas têm dado resposta a esta necessidade, com gamas de produtos feitas a pensar neste público. “O destaque vai para o mobiliário de design para exterior,” que se apresenta “num estilo gracioso e leve, com materiais elegantes difíceis de distinguir das variantes para interior.” Também os guarda-sóis compactos, sistemas de plantação e equipamentos para urban gardening estão a ganhar cada vez mais tração.

Multifuncionalidade

A falta de espaço nas cidades torna essencial aproveitar ao máximo o mobiliário. Assim, surgem cada vez mais produtos com mais do que uma função. “Os banquinhos também podem ser utilizados como mesa de apoio, os guarda-sóis oferecem funções de iluminação e de aquecimento e os vasos para plantas dispõem de espaço para armazenamento adicional,” explica a spoga+gafa.

jardins citadinos

Verde, a cor do ano

O verde está numa onda de popularidade. Até a Pantone elegeu o tom Greenery como a cor do ano.”Seja na moda, na indústria de cosméticos ou no setor do mobiliário/decoração, o verde verdeja e floresce por todo o lado,” refere a spoga+gafa. Agora, a tendência estende-se aos exteriores, dos tons mais claros e frescos aos mais escuros e suaves.

Conforto e qualidade

O grupo de consumidores da geração 50+ anos e com forte poder de compra está em crescimento. E está disposto “a abrir os cordões à bolsa para o seu oásis verde, sempre que os produtos lhes oferecem um valor acrescentado. Deste modo, o mobiliário de elevada qualidade conquista agora o palco ao ar livre e marca pontos com aspetos de conforto”. Exemplos de produtos que servem esta necessidade são cadeiras ergonómicas e guarda-sóis controláveis através de pedal.

Fotos: Pixabay

Veja: Vídeo: Tendência primavera 2017: pequenas árvores para varandas e terraços

Leia também: Feira de jardins spoga+gafa apresenta edição de 2017

Siga-nos no Facebook e no Instagram.

Poderá Também Gostar