Plantas Ornamentais

Trepadeiras floridas para a primavera e o verão

As trepadeiras são plantas versáteis, que se adaptam a jardins de diferentes tamanhos e localizações, ou mesmo a varandas e terraços. As trepadeiras de que mais gosto são as floridas, com florações de primavera e verão.

Apresento aqui algumas das minhas trepadeiras favoritas para esta época, com florações exuberantes e que deve colocar em zonas de sol e calor.

Leia também: O que são plantas trepadeiras?

allamanda

Allamanda sp

Família: Apocynaceae
Origem: Brasil
Nome vulgar: dedal-de-dama
Ciclo de vida: Perene
Propagação: Por estaca ou por semente
Época de plantação: Qualquer altura do ano
Época de Floração: Quase todo o ano com mais intensidade no Final do Verão e Outono
Cor de floração: branca, amarela
Altura: até 4-5 m
Distância de plantação mínima: 0.8 cm
Condições de cultivo: Pleno sol, solo fértil, rico em matéria orgânica. Necessita de regas regulares e de ser conduzida inicialmente.
Utilização: Trepadeira excelente para pérgulas, caramanchões
Manutenção: Não precisa de cuidados de manutenção especiais, apenas uma poda de limpeza a seguir á floração

Dipladenia sp (Mandevilla sp)

Família: Apocynaceae
Origem: Brasil
Nome vulgar: Dipladenia
Ciclo de vida: Arbusto/ trepadeira de folha persistente
Propagação: Estaca ou semente
Época de plantação: Qualquer época do ano
Época de Floração: Primavera e verão
Cor de floração: Encarnada, cor-de-rosa, branca, amarela
Altura: 3-4m
Distância de plantação mínima: 0.6-1 m
Condições de cultivo: Sol, meia sombra. Solo leve e bem drenado
Utilização: Pérgulas, muros, paredes, treliças, etc.
Manutenção: Quando da plantação deve adubar. Quando as hastes tiverem dimensão suficiente deve começar a conduzi-lo para onde deseja. Podar no inverno. Regar regularmente durante o período pós plantação

Jasminum officinalis 

Família: Oleaceae
Origem: China e Japão
Nome vulgar: Jasmim
Ciclo de vida:  trepadeira de folha caduca
Propagação: Estaca
Época de plantação: Outono, primavera
Época de Floração: Primavera e verão
Cor de floração:  branca – muito perfumada
Altura: 5-6 m
Distância de plantação mínima: 0.6-1 m
Condições de cultivo: Sol, meia sombra. Solo leve e bem drenado
Utilização: Pérgulas, muros, paredes, treliças, etc.
Manutenção: Quando da plantação deve adubar. Quando as hastes tiverem dimensão suficiente deve começar a conduzi-lo para onde deseja. Podar no inverno. Regar regularmente durante o período pós plantação

passiflora

Passiflora edulis 

Família: Passifloraceae
Origem: América do Sul
Nome vulgar: Maracujá
Ciclo de vida: Arbusto/ trepadeira de folha persistente
Propagação: Estaca ou semente
Época de plantação: Qualquer época do ano
Época de Floração: Primavera e verão
Cor de floração: roxa
Altura: 3-4m
Distância de plantação mínima: 1-2 m
Condições de cultivo: Sol. Solo fértil e bem drenado
Utilização: Pérgulas, muros, paredes, treliças, etc.
Manutenção: Quando da plantação deve adubar. Adubar no final da primavera, podar a seguir à floração. Necessário ir sempre conduzindo

Rhyncospermum jasminoides

Rhyncospermum jasminoides

Família: Apocynaceae
Origem: Himalaias
Nome vulgar: Falso jasmim ou jasmim estrela
Ciclo de vida: Arbusto/ trepadeira de folha persistente
Propagação: Estaca ou semente
Época de plantação: Qualquer época do ano
Época de Floração: Primavera e verão/ Frutificação no Verão e Outono
Cor de floração: branca
Altura: 3-4m
Distância de plantação mínima: 0.6-1 m
Condições de cultivo: Sol pleno, muita luz, Solo fértil e bem drenado. Não aguenta frio extremo. Pode cobrir-se com palha na raiz para ter menos frio
Utilização: Pérgulas, muros, paredes, treliças, etc
Manutenção: Quando da plantação deve adubar. Adubar no final da primavera, podar a seguir à floração deixando apenas o ramo principal cortando os secundários para estimular a frutificação. Necessário ir sempre conduzindo

Plumbago capensis

Familia  Plumbaginaceae
Origem – África do Sul
Nome vulgar– Plumbago, bela azul
Ciclo de vida – Arbusto/trepadeira de folha persistente
Época de plantação – Qualquer altura
Altura – até 3- 4 m
Distância de plantação mínima – 0.8- 1 m
Condições de cultivo: Sol, meia sombra. Todo o tipo de solos mesmo os mais pobres. Não necessita de grande fertilização.
Utilização: Pérgulas, treliças, muros, revestimento do solo, floreira, vaso, jardins rochosos, taludes
Manutenção: Muito pouca manutenção. Podar no final do inverno para controlar o crescimento e conduzir na direção que se pretender. Pode fertilizar na primavera com adubo orgânico

Tecoma stans (Bignonia frutescens)

Familia:Bignoniaceae
Origem : América Central e do Sul
Nome vulgar: Bignonia
Ciclo de vida – Perene
Propagação –Por semente e estaca
Época de plantação – Todo o ano
Época de Floração –Verão e Outono
Cor de floração – Amarela
Altura – até 4 m
Distância de plantação mínima – 0.6 m
Condições de cultivo: Sol pleno, solos férteis com matéria orgânica. Tolera a geada
Utilização: Trepadeira, pérgulas, muros, paredes, arbustiva, maciços ou isolada
Manutenção: Rústica e resistente a pequenos períodos de seca, convém ser regada nos meses mais quentes

Leia também: Cuidados básicos a ter com as trepadeiras

Fotos: Thinkstock

Poderá Também Gostar