Tarefas da Semana

Tarefas da semana: 19 a 25 de julho

No dia 19 cuide das suas flores

Zínia

Ao nível do solo e substrato, plante-as num local ensolarado com boa drenagem. Sol pleno ou sombra ligeira nas horas de maior calor serão o ideal para estas plantas. É uma planta intolerante às geadas e temperaturas frias, sendo uma anual que cresce e floresce entre a primavera e o outono.

Para fazer uma mistura de substrato mais rica e que potencie mais e melhor floração, misture um pouco de fertilizante orgânico equilibrado no solo antes do plantio. No meio do verão, regue ocasionalmente as plantas usando um fertilizante líquido com alto teor de azoto para estimular uma forte floração e crescimento vegetativo.

Algumas plantas companheiras: Endro, Feijão, Acelga, Cosmos e Curgete. Erva-doce e outras ervas aromáticas de porte erecto também são boas para consorciar.

A monda de flores secas deve ser feita regularmente pois ajuda muitas variedades a florescer constantemente por muitas semanas.

Nos dias 20 e 21 cuide das plantas de folha

Espinafre

Cultive os espinafres em solo que possa manter alguma humidade mas que seja simultaneamente leve e bem drenado, rico em matéria orgânica e em condições de sombra parcial. Semeie as sementes num tabuleiro, vaso ou canteiro raso e cubra levemente com solo.

Semeie os espinafres de forma escalonada, por exemplo a cada duas semanas, para garantir uma colheita contínua ao longo dos próximos meses. Colha folhas de espinafres jovens e tenros para uso em saladas ou então espere pelas folhas maduras para uso em sopas e refogados.

Proteja as pequenas plantas de espinafre jovens das lesmas, caracóis e pássaros. O espinafre também é propenso a algumas podridões, que se agravam em climas húmidos e quentes. O melhor método de prevenção é um bom espaçamento entre as plantas para ajudar o ar a circular, assim como direcionar a rega para a base das plantas em vez de o fazer por aspersão.

Nos dias 22 e 23 cuide das plantas de fruto

Pimento

Os jovens pimenteiros são semeados em canteiros no início da primavera para depois de alguns meses estarem prontos para plantar em local definitivo, assim que as suas raízes ganharem alguma robustez. Apoie-os com tutores a ate com uns cordéis à medida que vão crescendo pois ficam muito altos e podem cair ou partir-se com os ventos mais fortes de verão.

Pode o ápice da planta quando as plantas atingirem cerca de 30 cm de altura para incentivar o crescimento lateral, mais ramificado e potencialmente mais produtivo.

Regue regularmente e alimente as plantas com um fertilizante geral de nutrição equilibrada, mudando gradualmente para um adubo com alto teor de potássio quando os primeiros frutos estiverem a surgir.

Tenha atenção a potenciais pragas como o aranhiço vermelho e algumas doenças. Relativamente à colheita, escolha os pimentos conforme necessário assim que atinjam um bom tamanho, verde ou vermelhos maduros, inchados e brilhantes.

Gostou deste artigo?
Então leia a nossa Revista, subscreva o canal da Jardins no Youtube, e siga-nos no Facebook, Instagram e Pinterest.


Poderá Também Gostar