Tarefas da Semana

Tarefas da semana: 26 de julho a 1 de agosto

Dia 25 cuide das espécies de raiz

Rutabaga

A rutabaga é um vegetal bienal resistente e de climas temperados e frios que pode deve ser cultivado anualmente. Semeie as sementes de rutabaga no quintal ou num vaso grande algumas semanas antes da última geada na primavera. Também pode semear rutabaga no final do verão para a colheita de outono e inverno.

Em regiões de inverno ameno, semeie a rutabaga no outono para continuar a colher durante a inverno. Por norma, será ideal cultivar rutabaga de forma a que ela esteja pronta para a colheita antes das temperaturas de verão ficarem acima dos 25 °C. Tenha em conta que este vegetal requer 60-90 dias para chegar ao ponto de colheita.

É cultivada em todo o mundo pela sua grande raiz que tem um tom castanho ou roxo, amarelo ou branco. É maior, mais denso e mais doce do que o nabo. A rutabaga apresenta uma roseta de folhas verdes, lisas, profundamente lobadas que crescem a partir da raiz tuberosa.

As rutabagas crescem melhor em solos bem trabalhados e drenados, ricos em matéria orgânica. Adicione composto bem curtido aos canteiros ou terreno antes da sementeira. Esboroe torrões e remova pedras do solo que podem fazer com que as raízes se dividam ou fiquem malformadas.

Estas plantas preferem um pH do solo entre 5,5 a 6,5 e regas abundantes mas pouco frequentes.

Dias 26 e 27 cuide das flores e arbustos

Fuchsia

Existem mais de 100 espécies no género Fuchsia, e milhares de cultivares e híbridos nomeados a crescer em jardins por todo o mundo. A maioria das plantas disponíveis em centros de jardinagem e viveiros será híbrida.

As espécies podem ter dois hábitos de crescimento distintos: o tipo pendente que costumamos ver em cestas e vasos suspensos, e os tipos mais eretos e lenhosos que crescem no chão e são ideais para o plantio em vasos ou directamente num canteiro no jardim.

As variedades mais verticais podem atingir alturas de até 2 metros, enquanto as variedades anãs chegam apenas a 1 metro de altura.

Durante todo o verão, as flores abrem numa profusão de formas e cores, desde rosa vívido, roxo profundo, vermelho brilhante, azul lavanda, salmão, rosa e brancos delicados, várias aparências, dependendo do cultivar selecionado.

Após a floração, bagas de 1-2 cm de comprimento vão formar-se. Estes frutos ficam pretos ou azuis escuros quando maduros e curiosamente são comestíveis.

Dias 28, 29 e 30 cuide das plantas de folha

Rúcula

A rúcula é um vegetal ótimo para saladas verdes, sendo uma planta anual produtiva e fresca que cresce melhor na primavera e no outono, e pode ser adaptada também durante o inverno sob proteção de uma estufa ou local ensolarado, sobretudo em regiões amenas.

No tempo quente de verão, a rúcula tende a espigar e dar semente. O pH ideal fica entre 6,5-7,0 e o solo deve manter-se húmido até as sementes germinarem e, depois, tenha o cuidado de manter a área livre de ervas daninhas.

Ao nível da colheita, prefira ir cortando à medida do necessário, com a ajuda de uma tesoura. As folhas mais bebés e tenras são suaves e macias.

Quanto à exposição à luz e sol, prefere zonas de com sol direto pleno ou sombra parcial apenas se as tardes forem muito quentes.

 

Gostou deste artigo?
Então leia a nossa Revista, subscreva o canal da Jardins no Youtube, e siga-nos no Facebook, Instagram e Pinterest.


Poderá Também Gostar