Plantas

8 plantas com aroma maravilhoso para ter no jardim

Há muitas plantas com aromas deliciosos, mas estas oito que selecionei são provavelmente das mais intensas, doces e originais, que pode e deve plantar já! Se o espaço não for grande não utilize muitos aromas diferentes pois alguns são muito ativos. Ao cair da noite é quando os aromas se intensificam e o jardim ganha outra dimensão.

1- Glicínia (Wisteria sinensis)

Uma das trepadeiras mais bonitas e bem adaptadas ao nosso clima. Gosta de zonas com sol direto, mas aguenta o frio. Prefere solos profundos e bem drenados. Cresce até 10 m de altura mas consegue desenvolver-se em vaso. Sendo de folha caduca deve ser podada no inverno para garantir uma floração abundante, as flores podem ser roxas, cor-de-rosa ou brancas são em forma de cacho e aparecem no início da primavera. No período de floração deve ser regada.

Na China de onde é originário as flores são muito usadas para aromatizar chás, bolos e geleias. No ocidente o seu óleo essencial é usado em perfumaria.

2- Jasmim-do-Imperador (Osmanthus fragans)

Um arbusto de folha persistente, forma colunar que pode crescer até 4 ou 5 m de altura. Gosta de zonas com sol direto de manhã e solos ligeiramente ácidos e bem drenados. Deve ser regado após a plantação e nos meses mais quentes. Quando em sebe ou alinhamento devem ser plantados com um afastamento de 1,5m entre plantas. As flores muito aromáticas aparecem na primavera e podem ser beijes, brancas ou alaranjadas.

3- Flor-de-inverno (Chimonanthus praecox)

Arbusto grande de folha caduca, crescimento lento podendo atingir 3 m de altura. Tem uma floração invernal doce e aromática (entre o jacinto e o mel), as flores aparecem antes das folhas. Gosta de zonas com sol e abrigadas do vento, prefere solos frescos, húmidos e bem drenados.

4- Jasmim-estrela (Rhyncospermum jasminoides)

Trepadeira de folha persistente muito rústica. Tem um crescimento lento nos primeiros anos mas depois adapta-se. Gosta de zonas com muito sol mas é tolerante ao frio. Prefere solos bem drenados, neutros ou ligeiramente alcalinos. Necessita de regas regulares nos períodos de maior calor. Adapta-se a vasos, deve ser podada a seguir à floração.

5- Dama-da-noite (Cestrum nocturnum)

Arbusto de folha persistente, cresce até 1,5 m de altura. Gosta de sol ou meia sombra, não tolera frio, geadas e salinidade, prefere solos férteis e bem drenados. Necessita regas e adubações frequentes, principalmente se estiver em vaso. O aroma intensifica-se muito à noite não a coloque muito próximo dos quartos. Deve ser podada no final do verão, assim que termine a floração.

6- Lilás (Syringa vulgaris)

Arbusto de folha caduca, cresce até 2-3 m de altura. Prefere zonas com sol direto, solos bem drenados, ricos em matéria orgânica e com pH neutro. Necessita de regas regulares pois não tolera a secura, deve ser feita uma fertilização na primavera, quando se inicia a floração, que pode ser branca, roxa ou cor-de-rosa. Pode no outono quando terminar a floração.

7- Tuberosa ou angélica (Polianthes tuberosa)

Planta bolbosa com floração branca em forma de espiga que pode atingir 0,8 m de altura, inicia-se no final do verão e prolonga-se até ao outono. Gosta de solos leves, sem pedras, bem drenados e ricos em matéria orgânica. Necessita de regas regulares no período de mais calor, para quebrar a dormência e germinar, no entanto nunca se deve encharcar para não apodrecer. Plantar no inverno com um afastamento de 0,5 m, ficam bem em grandes maciços, o aroma é maravilhoso.

8- Laranjeira-do-méxico (Choysia ternata)

Arbusto de folha persistente, cresce até 2 m de altura e faz uma boa sebe. Gosta de sol ou meia sombra, resistente ao frio e prefere solos ricos e bem drenados, não tolera o excesso de calcário. Floração branca de maio a julho com aroma semelhante à laranjeira. Deve ser podada a seguir à floração.

Fotos: Thinkstock

Gostou deste artigo? Subscreva o canal da Jardins no Youtube e siga-nos no Facebook e no Instagram

Poderá Também Gostar