Lifestyle

Conheça a Curae

Curae é uma loja pet-friendly situada em Alcântara.

Sofia Eiras Antunes, Fundadora da Curae

Sofia Eiras Antunes, Fundadora da Curae

Este mês, falámos com a Sofia para conhecer melhor as origens da Curae, um fantástico projeto que expressa e partilha a importância da conexão entre plantas, animais e pessoas para uma vida plena.

A loja abriu portas em 2020, a meio da pandemia e do confinamento. Terá sido essa uma das razões para fundar este projeto que promove o contacto com as plantas, os animais, a decoração e toda a positividade que eles trazem para a nossa vida?

A ideia de lançar este negócio era algo que já estava em maturação antes da pandemia. A Natureza, em tudo o que a constitui e com particular relevância para as plantas e os animais, sempre foi algo que me fascinou e motivou. O lançamento da Curae e, mais especicamente, da loja em 2020 não foram mais do que a realização das minhas principais paixões, dando plena liberdade àquilo que flui para e através de mim: o poder da Natureza e sua influência determinante na minha vida. Acredito, sinceramente, ser uma dádiva ao alcance de todos nós e que temos de aproveitar plenamente.

Mas é claro que a conjugação de uma pandemia, apesar de ter sido globalmente um constrangimento para a maior parte das atividade de negócio, acabou por resultar positiva para a Curae, porque sublinhou a necessidade de nos mantermos conectados à vida, à Natureza e aos espaços exteriores quando todos fomos forçados a ficar confinados. É nas adversidades e na ausência do que temos por garantido que damos o devido valor ao que nos rodeia – a Natureza, o espaço, o convívio com as pessoas, as plantas e os animais.

Podermos cuidar de um ser vivo, planta ou animal, ainda que circunscritos aos espaços das nossas casas ou locais de trabalho, incluindo pequenos apartamentos, proporciona-nos rotinas muito saudáveis e poderosas de refúgio para a boa gestão do nosso stresse. Faz-nos sentir mais abertos, mais conectados, mais criativos, mais em paz.

espaço curae

Por tudo isto, a procura de plantas aumentou sem dúvida durante a pandemia, a que soubemos dar uma resposta muito inovadora desde logo através do lançamento da nossa plataforma on-line, e-commerce e logística (Internet e redes sociais), que ofereceu aos nossos clientes a máxima conveniência de receber plantas à porta, em casa ou escritório e em qualquer lugar do País.

O lançamento da loja foi a sequência lógica da necessidade de tangibilizar a nossa presença dando a possibilidade a todos os nossos fãs e clientes de vivenciarem connosco a experiência Curae, que só se explica no ambiente e na experiência de quem nos visita.

Tem sido crescente a procura dos produtos e serviços da Curae desde o arranque em plena pandemia e foi com curiosidade e satisfação que vericámos que esta paixão pela Natureza que tantos de nós descobrimos provou ser sustentável e não apenas impulsiva e conjuntural. Foi crescente também a oferta de plantas como presente, para os amigos e familiares, plantas estas associadas a diferentes benefícios – porque os benefícios passam uma mensagem profunda e com impacto. Por exemplo, quem é presenteado com o nosso lírio-da-paz recebe paz (tudo escrito em guias de cuidado e exercícios de meditação que acompanham a planta).

Lembraremos sempre o pioneirismo dessas nossas primeiras “plantas da pandemia” com os bons serviços e o carinho importante que prestaram a tantos clientes que em nós contaram e continuam a contar. São seres vivos para cuidar, para toda a vida.

Além de plantas e acessórios ligados à jardinagem, que outros produtos, experiências e ideias podemos trazer de uma visita à vossa loja?

Desde o nosso lançamento, evoluímos muito nestes últimos dois anos. Mantendo sempre a sua matriz original – Mind People and Plants and Pets –, a Curae disponibiliza atualmente uma vasta gama de produtos e serviços alicerçada nas seguintes duas grandes áreas de oferta: Plantshop e Food & Events. Com plantas Curae, mais é mais. E isso traduz-se também na aposta de assegurarmos uma grande proximidade junto do mercado e dos nossos clientes. Por isso somos uma loja de plantas que tem presença física (loja Alcântara), online (Web e redes sociais) e on call (mobile e WhatsApp).

brunch da curae

Como Plantshop, servirmos os nossos clientes particulares e apoiamos múltiplas iniciativas corporate para empresas. Fazemos plantstyling (decoração de espaços residenciais, de escritórios, restauração, hotelaria, entre outros; arranjo e venda de plantas para jardins exteriores e terraços) e plantrenting (aluguer de plantas para eventos especiais, nomeadamente festas, casamentos, batizados, conferências, teatro e concertos musicais, entre outros). Como Food & Events, somos um espaço para viver, e fazemo-lo devagar em redor da Natureza, com pessoas, plantas e animais. No que toca a refeições, na nossa loja acontece o tradicional brunch aos sábados. Junto dos nossos clientes, particulares, famílias ou empresas, oferecemos serviços de catering para fora, para festas, eventos e outras confraternizações, realizados no interior ou exterior. Acrescem os diversos workshops temáticos, realizados também com parceiros no nosso espaço. Na loja de Alcântara, podemos também organizar eventos personalizados, num ambiente acolhedor e com catering especial, para proporcionar uma experiência única aos convidados.

E vale sempre a pena lembrar as Yoga Classes, realizadas semanalmente no espaço de Alcântara.

Nos últimos anos, e obrigados a passar mais tempo em casa, muitos viram-se inspirados a mudar os seus hábitos, hobbies e a forma como experienciam o seu espaço e o conforto que ele deve emanar. Que tendências e novos desafios surgiram ao nível de projetos e consultorias que fazem para clientes que procuram renovar o seu mundo dentro de portas?

É frequente recebermos pedidos de clientes habituais e novos clientes para intervirmos nos seus próprios espaços. As casas, fruto também de
terem sido um reduto acolhedor para situações de confinamento forçado ou adoção de teletrabalho, passaram a ter uma valorização diferente para quem delas usufrui com maior permanência.

As pessoas procederam a arrumações, para as quais tiveram mais tempo disponível. Desenvolveram projetos e obras de melhoria e reabilitação, com vista a melhorar condições dos espaços e ganhar área disponível para a sua melhor partilha e usufruto (recordamos o tempo em que famílias inteiras tinham de assegurar a escola e o trabalho em modo remoto, dos mais jovens aos mais velhos).

Alteraram a decoração e, acima de tudo, procuraram trazer para casa um pouco da Natureza que ficou lá fora, mais distante e inacessível pelos constrangimentos forçados a que foram sujeitas. As plantas em casa foram um passo natural. Um toque de Natureza nas suas vidas. Experimentaram e nunca mais quiseram mudar a força dessa relação próxima.

espaço curae

Na Curae, sabemos fazer muito bem as respostas adequadas para as expectativas e solicitações dos nossos clientes, no âmbito de otimização dos seus espaços residenciais e profissionais. Com as nossas plantas e projetos de plantstyling, transformamos ambientes, promovemos a mudança positiva nas pessoas e famílias, a nível residencial, e nas equipas e colaboradores, a nível empresarial. Existe um antes e um depois da Curae. Fica sempre presente um novo sentimento. Plantcare, ou seja, com mais plantas somos melhores pessoas, mais produtivas, motivadas, sensíveis, envolvidas e conectadas.

Para quem vive um momento mais cinzento, como explicaria a importância de nós, enquanto seres vivos, aprendermos a conectarmo-nos mais profundamente com o que nos rodeia, e o benefício mútuo e até cármico que este intercâmbio faz nascer?

Com o confinamento, confirmámos na Curae que a complementaridade de pessoas, animais, plantas e uma decoração orientada à biolia têm um poder transformador. Em pandemia, foi esse o foco de todos nós, o de trazer a Natureza para dentro. Das nossas casas e escritórios para dentro de nós. Para fazermos parte dela, algo de que nos esquecemos nesta voragem dos dias em que nos desconetamos da nossa essência. Estamos todos conectados, plantas, animais e Natureza, num Universo maravilhoso a que inevitavelmente pertencemos.

Para muitos, o stresse, potenciado pela pandemia, abriu horizontes. Porque fomos impactados pela mudança, algo se abriu na nossa compreensão. Para muitos, o impacto foi até relevante no seu equilíbrio e, nalguns casos, saúde mental.

A Natureza foi um apelo. Para os que mudaram de vida, para os que regressaram ao campo fugindo das cidades, para os que decidiram seguir o seu próprio caminho com maior confiança ou com a convicção de que estavam a fazer o que era acertado e os motivava.

Ouvimos por aí “foi a Natureza que me salvou e a tantos os que me rodeavam”. O contacto com a floresta, o mar, a montanha, os animais. Estarmos no meio do nosso meio é melhor que na periferia de um dia a dia artificial. A nossa “família alargada”, que inclui as pessoas que amamos e todos os seres vivos que devemos estimar e valorizar, é o que tem realmente impacto no nosso equilíbrio e saúde mental.

Na Curae, desenvolvemos a nossa atividade com a consciência deste santuário de plantas e de que tê-las por perto diariamente, na nossa casa ou empresa, ajuda a tratar do nosso jardim interior, perto do qual meditamos diariamente e progredimos.

Com o impacto das alterações climáticas, esta consciência, individual e coletiva, acentuou-se e veio para ficar.

 

Texto: Ricardo Elisiário

 

Gostou deste artigo? Veja este e outros artigos na nossa Revista, no canal da Jardins no Youtube ou nas redes sociais Facebook, Instagram e Pinterest.


 

Poderá Também Gostar