Edição de Maio: Especial “Plant Lovers” com 6 convidados únicos

Como no mês de Maio, o mês por excelência da primavera vamos estar todos mais em casa, esta vai ser uma edição dedicada a isso mesmo, tarefas, atividades, sugestões para fazer em casa.

Queremos deixar uma mensagem de esperança e levar a primavera a casa de cada um dos nossos leitores. Estamos a fazer uma campanha de assinaturas para as pessoas poderem receber a revista em casa por metade do preço, e tem sido um sucesso.

Esta edição vem repleta de artigos para as pessoas que têm jardim, para as que têm varanda e/ou terraço e para as que só podem ter plantas dentro de sua casa.

Nesta edição especial também convidámos as marcas a comunicarem mais diretamente para quem está em casa, com ferramentas para usar em jardins privados, substratos, fertilizantes e plantas para quem quer jardinar em casa, em vaso e em canteiros.

Os nossos colaboradores habituais irão escrever também dentro deste tema e teremos um artigo especial com 12 páginas cheias de depoimentos, partilhas, dicas e sugestões dadas por 6 plant bloggers e lovers portugueses que aceitaram o convite.

Os seus relatos, vindos das mais variadas zonas do pais, serão muito inspiradores e interessantes para quem gosta de plantas.

Os nossos convidados desta edição são:

Susana Caseiro

Sou filha e neta de agricultores, pratico agricultura biológica urbana há mais de 15 anos. sou licenciada em Engenharia Biológica e estou ligada à Natureza e ao mundo da jardinagem desde sempre.

Sou mãe de quatro crianças e mudei o rumo da vida profissional quando estava grávida do meu 3.º filho. Sou autora do livro e e-book Jardim de Ervas Aromáticas, um guia prático sobre o cultivo das ervas aromáticas e a sua utilização.

INSTAGRAM

Sofia Manuel

Nasci e cresci no Porto. Tirei mestrado em Engenharia Civil e de momento trabalho como programadora de software.

Por ter um trabalho tão ligado a números e stressante, encontrei nas plantinhas o meu refúgio, mas o grande boom deu-se, em 2016, quando vivi em Moçambique. Ainda hoje sinto a humidade e o verde daquela terra. Desde que voltei que senti necessidade de me rodear por plantas que me trouxessem de novo aquela sensação de estar envolvida por verde puro, mãe Natureza.

INSTAGRAM

Nuno Prates

Nasci e cresci em Lisboa, afastado da Natureza, já que passei a adolescência numa época de muita instabilidade política e pouca serenidade social. O mundo verde era visto como franja nas preocupações sociais e sobretudo nas decisões familiares.

Porém, tive o privilégio de ter sido autorizado pelos meus pais a cuidar do jardim na casa de férias. Passava cerca de três meses de verão a experimentar, plantar, envasar, propagar. Lembro-me que, sem me aperceber, descobria na prática o que é uma atividade profissional com formação académica superior.

INSTAGRAM

Bárbara Morais

Sou de Matosinhos, somos uma família de seis, eu, o André (marido), a Flor (filha), a Kim (cadela), o Kobe (cão), e o Bean (tartaruga). Vivemos numa casa muito pequena com jardim.

Sou formada em Arquitetura, mas não trabalho na área, trabalho atualmente no Lidl, e a criação da página de Instagram e do youtube foi uma forma de voltar as minhas raizes e aquilo que amo, interiores e plantas.

INSTAGRAM

Tomás Tojo

Nasci em Lisboa e vivi a minha infância no Algarve, rodeado de plantas. No jardim da minha mãe, pude explorar, ainda pequeno investigador, diferentes formas de jardinagem.

Apesar da falta de conhecimentos, a experiência e a prática foram tornando cada vez mais frutíferas as minhas aventuras botânicas.

INSTAGRAM

Diogo Duarte

Nasci no Porto, no dia 9 de novembro de 1989, cresci numa quinta com os meus avós onde passava o dia rodeado de animais, hortas, plantas. Aos 5 anos, mudei-me para Sintra com os meus pais, onde cresci e continuo a viver.

Profissionalmente, já fiz de tudo um pouco. Já fui chef de cozinha e pasteleiro, mas a minha formação é fotografia. Atualmente, trabalho num estúdio de tatuagens privado de uma grande amiga minha, ajudo-a com todo o conteúdo de fotografia e vídeo.

INSTAGRAM

O que têm em comum todos eles?

São de várias gerações, têm as mais variadas profissões, mas partilham a mesma paixão pelas plantas.

Cada um interpreta a Natureza e a sua relação com as plantas de forma diferente, cada um tem uma história única para partilhar. Só tenho de agradecer a generosidade de partilharem comigo e com os leitores os seus testemunhos e as suas casas.

Penso que num momento como o que vivemos precisamos de pessoas assim, genuínas, únicas e inspiradoras!

Conheçam os nossos maravilhosos plant lovers e deixem-se maravilhar pelas suas plantas e pelos ambientes em que vivem.

Gostou deste artigo?
Então leia a nossa Revista, subscreva o canal da Jardins no Youtube, e siga-nos no Facebook, Instagram e Pinterest.


Poderá Também Gostar