Cultivar Bio

Método biológico: cultura do maracujá

O maracujá é um fruto muito utilizado em sumos, gelados, iogurtes, infusões, cocktails e alguns doces. Quer saber algumas curiosidades sobre este fruto? Leia o artigo da Jardins! 🙂

  • Nomes comuns: maracujá; granadilha; fruta da paixão.
  • Nome científico: Passiflora edulis
  • Origem: Brasil.
  • Família: Passifloraceae.
  • Factos históricos: As flores inspiraram poetas, prosadores e historiadores, por verem simbolizada a paixão de Jesus Cristo. Em inglês, a fruta chama-se “passion fruit”, nome que foi dado por missionários espanhóis ao verem a flor durante as festividades da Páscoa.
  • Ciclo biológico: Perene, mas é aconselhável substituir a planta aos 4 anos. Espécies mais cultivadas: Maracujá roxo (P.edulis sims), maracujá amarelo (P edulis var. flavicarpo Deg.), Maracujá gigante (P. quadrangularis L) e maracujá banana (P. mollissima Bailey). Dentro de cada uma destas variedades existem muitos cultivares. Em Portugal o Maracujá de São Miguel (Açores) (Espécie roxa) é o mais conhecido.
  • Parte comestível: o fruto que contem uma polpa muito aromática.

Condições ambientais

  • Solo: Boa drenagem, adapta-se a solos arenoso, limo-arenosos e argilosos-calcários. Prefere solos férteis com boa quantidade de húmus e profundos com pH entre 5,4-6,8.
  • Temperaturas: Óptimas: 26-270C Min: 210C Max : 330C.
  • Paragem do desenvolvimento: -20C.
  • Exposição Solar: mais de 11 horas de luz.
  • Quantidade de água: 900-1.400 mm/ ano.
  • Humidade relativa: Deve ser baixa a moderada.

Fertilização

  • Adubação: Com estrume de coelho ou pato bem decompostos. Pode ainda fornecer cinza de madeira e composto. Deve-se aplicar calcário Dolomítico para fornecer OCa.
  • Adubo Verde: Feijão, amendoim, soja, milho, sorgo e o trigo.
  • Exigências nutritivas: 3:2:1 (3 de azoto 2 de fósforo: 1 de potássio).

Técnicas de Cultivo

  • Polinização e frutificação: Todas as variedades florescem durante o Verão. O maracujá amarelo é autosteril (precisa de outra planta para haver polinização cruzada) e o maracujá roxo e autofértil. Em ambos os casos a polinização só é verdadeiramente conseguida por meio dos insectos (abelhas e vespas).
  • Preparação do solo: Fresar o solo até aos 25 cm de profundidade.

Gostou deste artigo? Siga-nos no Facebook, no Instagram e no Pinterest e subscreva o nosso canal no Youtube.

Poderá Também Gostar