DIY

Vídeo: Como Plantar Uma Flor-de-Cera

Estivemos num local muito especial a falar de uma planta igualmente especial. Fomos à Toscânia, a convite da Flora Toscana, conhecer o produtor de flores de cera (Chamelaucium) – viveiro Spinetti – perto de Florença.

Esta planta arbustiva originária da Austrália, é muito resistente e ornamental, podendo ser utilizada no jardim, em vaso ou em floreira. Dependendo da variedade pode atingir tamanhos de 0,5 a 4 m de altura.

A flor-de-cera tem este nome pois o interior da sua flor com um fundo ceroso, parece uma vela com um pavio.

Até agora na Europa só eram comercializadas as variedades de flores-de-cera produzidas em Israel, mas desde há três anos começaram a ser comercializadas também as variedades australianas com grande sucesso. As cores são mais variadas e exuberantes bem com as flores duram mais tempo na planta. Normalmente, consoante a variedade, o período de floração pode começar em fevereiro e terminar em maio.

Em Itália a produção cresce a cada ano, com mais 20.000 plantas a serem produzidas este ano, chegando a produção total a 70.000 plantas.  Apresentamos as variedades  preferidas em Portugal  My Sweet 16, Moonlight Delight e Sarah’s Delight.

Material necessário:

Várias variedades de  flores de cera (Helix Chamelaucium)

  1. Moolight Delight
  2. Sarah’s Delight
  3. MMEAÒ Helix Chantilly Lace
  4. Dancing Queen
  5. MMEAÒ Helix-Pearl Buttons
  6. MMEAÒ Helix- Strawberry Surprise
  7. MMEAÒ Helix – My Sweet
  8. MMEAÒ Helix Raspeberry Ripple
  9. My Sweet 16
  10. Pá pequena
  11. Vaso com 40 cm de altura e 35 cm de diâmetro (mínimo)
  12. Regador
  13. Substrato para plantas acidófilas
  14. Argila expandida
  15. Casca de pinheiro
  16. Geotêxtil

 

Vamos plantar uma flor de cera em vaso:

Passo 1 – Escolha de um vaso drenado, com pelo menos 40 cm de altura e 35 cm de diâmetro para que a planta se desenvolva em boas condições;

Passo 2 – Colocação de argila expandida;

Passo 3 – Colocação de geotêxtil;

Passo  4 – Colocação de substrato;

Passo 5 – Colocação da planta;

Passo 6 – Colocação de casca de pinheiro (conserva a humidade e evita o aparecimento de infestantes); é opcional.

Condições de cultivo

  • Estas plantas precisam de zonas de sol direto, substratos bem drenados, ácidos e pouco férteis.
  • Dão-se bem no jardim, vaso ou floreira.
  • No primeiro ano, as flores de cera precisam de mais água, pois as raízes estão a desenvolver-se. A partir do segundo ano, uma rega por semana em períodos de maior seca.
  • São muito resistente ao calor, ao frio (até -5ºC) e à geada.
  • Não suportam fertilizante em excesso, mais vale a menos do que a mais. Na primavera e verão pode fertilizar duas vezes por mês. No outono e inverno não deve fertilizar.
  • Regue semanalmente.
  • Deve ser podada a seguir à floração cortando os ramos mais tenros, pois o objetivo é que fique uma planta compacta e cheia. Pode ter de a podar até 5 a 6 vezes até ao final do verão, pois é nessa época que se dá o seu grande crescimento. A poda é muito importante para a forma da planta e para a sua produção de flores no ano seguinte.

Agradecimento Flora Toscana

[clique em Flora Toscana para conhecer o site]

Gostou deste artigo? Subscreva o canal da Jardins no Youtube e siga-nos no Facebook e no Instagram.

Poderá Também Gostar