Jardim

7 dicas fáceis para cuidar do jardim este verão

A que horas se deve regar o jardim, utilizar adubos orgânicos e ter atenção às pragas são algumas das dicas que a especialista Gabriela Ribeiro da 55+ recomenda.

Com a chegada do verão, os finais de tarde, os almoços de família e os jantares tardios sabem melhor quando são passados no belo jardim de casa.

“Nesta altura do ano é essencial ter mais atenção aos cuidados dados às plantas, tendo em conta as elevadas temperaturas e escassez de chuvas”, explica Gabriela Ribeiro, a especialista em jardinagem que aos 65 anos se juntou à 55+ depois de se reformar, com o objetivo de se sentir mais ativa e útil na sociedade.

Eis as sete dicas fáceis de como cuidar do jardim este verão:

1. Cuidado com as horas de rega: para manter um jardim fresco e verde é preciso ter bastante atenção às horas que rega o jardim. Especialmente no verão, as plantas devem ser regadas nas horas de menos calor como o amanhecer ou o entardecer, sendo que deve ter em atenção que a água deve penetrar o solo até 15 cm para chegar até às raízes.

2. Utilize adubos orgânicos: reutilize as cinzas de madeira do inverno, as borras de café, as cascas de banana e compostagem caseira para fertilizar as plantas. Estes resíduos orgânicos são muito melhores do que os químicos de compra.

3. Tenha atenção às pragas: uma das formas de evitar ter estes pequenos insetos no jardim é plantar ervas aromáticas como: salsa, lavanda, manjericão e jasmim. Este tipo de ervas são ótimos repelentes de insetos e podem evitar o aparecimento destes bicharocos.

4. Livre-se de folhas e galhos secos: para além de esteticamente não ser bonito ter folhas e galhos secos no jardim, é importante para as plantas terem espaço e arejamento entre elas para se desenvolverem melhor.

5. Coloque os vasos em sítios frescos: para evitar o contacto direto do sol nas plantas mais sensíveis deve colocar os vasos no sítio mais fresco do jardim e nunca diretamente no chão, onde observem todo o calor do solo potencializando a secura das raízes.

6. Acabe com as ervas daninhas: para um jardim mais bonito deve arrancar as ervas daninhas sempre pela raiz para evitar o seu contínuo crescimento.

7. Não se esqueça de podar o jardim: embora a poda dependa do ciclo vegetativo das espécies, no verão deve-se cortar as folhas e ramos secos e doentes de forma a melhorar a floração e frutificação das árvores.

Para quem não tem tempo para tratar do jardim e precise de uma ajuda extra, pode contratar um dos especialistas da 55+ através da plataforma www.55mais.pt. Este serviço além de ajudar pessoas que não têm tempo no seu dia-a-dia permite ainda que pessoas com mais de 55 anos que estejam desempregadas, reformadas e inativas se sintam úteis e integradas na sociedade.

Atualmente, o serviço de jardinagem está disponível nos concelhos do Porto, Matosinhos, Maia, Paredes e Valongo, assim como em Aveiro e na grande Lisboa. Quem quiser solicitar este serviço ou os serviços de pet sitting, babysitting, comida ao domicílio, pequenas reparações entre outros, basta escolher a opção pretendida no website, definir os detalhes da reserva e de seguida será contactado pela equipa onde será atribuído o especialista 55+ mais perto e adequado a si.

Projeto 55+

A 55+ é uma organização social criada em 2018 com o objetivo de dar uma nova oportunidade e valorizar as pessoas inativas com mais de 55 anos, desempregadas ou reformadas, combatendo assim a solidão e o sedentarismo. Na base da valorização das pessoas 55+, promove relações de partilha intergeracionais, preservando o seu nível de autonomia e independência, ao mesmo tempo que previne situações de isolamento e cria um complemento económico para estas pessoas reconhecendo o valor dos serviços que prestam. Tal é feito através de uma plataforma humana com base tecnológica (https://55mais.pt/) que oferece serviços variados e comunitários (tais como, jardinagem, pequenas reparações, comida ao domicílio…) e eventos de formação ou de partilha de conhecimento.

O projeto já abrange as zonas da grande Lisboa e mais recentemente grande Porto e Aveiro. 

Desde o início da atividade em janeiro de 2019, a Associação 55+ alcançou os seguintes resultados:

  • + 1.900 inscrições de pessoas 55+ (por todo o Portugal)
  • + 2.800 pedidos realizados por pessoas com 55 ou mais anos
  • + 67.000 € de remuneração para as pessoas 55+

“Por acharmos que existe uma lacuna na sociedade, relativamente à importância de ter profissionais experientes, é que a nossa missão também passa pela mudança de mentalidade, com o reforço da imagem positiva dos seniores pela sociedade em geral. Quando uma pessoa chega até nós e nos diz que “já vali” e “já não me sinto valorizada”, algo tem que ser urgentemente mudado na sociedade. Não queremos que Portugal seja um país de “já-valis”.” – Elena Durán

Gabriela Ribeiro e Artur Pedroso, especialistas em jardinagem na 55+

Foi o caso de Gabriela Ribeiro que aos 65 anos, após se reformar, decidiu juntar-se à 55+ com o objetivo de se sentir mais ativa e útil na sociedade. Desde que está inscrita como especialista na plataforma, tem prestado serviços maioritariamente de jardinagem e não podia estar mais feliz. Já Artur Pedroso, tem formação em Engenharia Agrónoma e decidiu inscrever-se na 55+ para estar mais ativo e continuar a partilhar os seus conhecimentos e competências com a sociedade, após a reforma. Tem prestado serviços essencialmente de jardinagem.

Para quem não tem tempo para tratar do jardim e precise de uma ajuda extra, pode contratar um dos especialistas da 55+ através do site www.55mais.pt. Este serviço além de ajudar pessoas que não têm tempo no seu dia-a-dia permite ainda que pessoas com mais de 55 anos que estejam desempregadas, reformadas e inativas se sintam úteis e integradas na sociedade.

Atualmente, o serviço de jardinagem está disponível nos concelhos do Porto, Matosinhos, Maia, Paredes e Valongo, assim como em Aveiro e na grande Lisboa. Quem quiser solicitar este serviço ou os serviços de pet sitting, babysitting, comida ao domicílio, pequenas reparações entre outros, basta escolher a opção pretendida no website, definir os detalhes da reserva e de seguida será contactado pela equipa onde será atribuído o especialista 55+ mais perto e adequado a si.

Gostou deste artigo?
Então leia a nossa Revista, subscreva o canal da Jardins no Youtube, e siga-nos no Facebook, Instagram e Pinterest.


Poderá Também Gostar