Tarefas da Semana

Tarefas da semana: 11 a 17 de abril

Nos dias 11 a 13, plante as suas folhas

Coentros

O coentro precisa de sol pleno ou sombra ligeira nas zonas mais quentes e canteiros virados a sul, pois espiga rapidamente em clima quente. Cresce melhor num solo húmido e bem drenado. As plantas de coentro devem ser espaçadas cerca de 15 cm.

Para colher coentro fresco durante toda a temporada, faça sementeiras sucessivas a cada 2 a 3 semanas a partir do final da primavera.

A partir do momento da sementeira, as folhas de coentro podem começar a ser colhidas depois de 3 a 4 semanas. As sementes de coentro podem ser colhidas no fim da estação.

O coentro é melhor cultivado semeando as sementes diretamente no jardim por duas razões: cresce tão rapidamente que não precisa de germinação protegida dentro de casa e como o coentro desenvolve uma raiz funda, não gosta de ser transplantado.

O coentro tem sido usado há muitos séculos na culinária do México, Índia, África, Espanha, Rússia, China, e muitas outras áreas da Ásia — especialmente Tailândia e Médio Oriente. Acredita-se que seja nativo do norte de África ou do Médio Oriente.

Além de seus muitos usos culinários, as sementes de coentro têm sido usadas medicinalmente, especialmente como auxílio ao sono e digestão.

No dia 14 plante as espécies de fruto

Fisális

As plantas de Physalis são cultivadas no jardim principalmente pelos seus belos e deliciosos frutos em forma de lanterna. Estes frutos podem ser secados e usados como parte de arranjos florais e decoração ou comidos em fresco, cheios de vitaminas.

Os Fisális são plantas perenes resistentes e variam em altura de 30 cm a 1,2 m. Florescem e frutificam durante todo o ano excepto no inverno.

As sementes de Physalis podem ser semeadas ao ar livre na superfície do solo na primavera ou no verão. É melhor cultivá-los num solo comum que tenha boa drenagem e seja ensolarado ou parcialmente sombreado.

Pode começar estas plantas semeando as sementes dentro de casa ou em viveiro, e faça isso no fim do inverno. Levam cerca de duas a quatro semanas para germinar a 21 a 25 ºC.

Uma vez crescido, transplante para o jardim a cerca de 30 cm de distância (pequenas espécies de Physalis) a 60 a 90 cm (variedades maiores).

É importante regar regularmente. Os caules podem ser cortados de volta ao nível do solo no fim do outono.

Nos dias 15 a 17, plante as suas raízes

Gengibre

O gengibre é uma planta perene com folhas parecidas a lanças e flores amarelas normais que é tipicamente cultivada como uma planta anual pela sua raiz comestível, ou mais precisamente, os seus rizomas comestíveis.

O gengibre é cultivado comercialmente em climas subtropicais e tropicais já que o gengibre gosta de condições húmidas e quentes, mas não demasiado. Jardineiros que não vivam em climas subtropicais e tropicais podem cultivar gengibre com sucesso, embora seja improvável que as plantas de gengibre sejam tão produtivas.

Os chefs de jardim vão deleitar-se com o sabor fresco do gengibre e a textura húmida e suave.

Recomenda-se o cultivo de gengibre em recipientes: facilitam os jardineiros em casa a aproximarem-se das condições de cultivo preferidas do gengibre, permitindo proteger o gengibre em crescimento da geada, calor extremo, vento e solo seco.

Plante os rizomas com os gomos voltados para cima e cubra com 3 cm de solo. Plante-os a 30 cm de distância entre si e adicione uma leve camada de mulch vegetal se tiver em casa.

A temperatura ideal para o cultivo de gengibre é de 25 ºC com alguma humidade. O gengibre é sensível à geada e ao calor extremo. Traga os vasos para dentro quando as temperaturas caírem abaixo dos 10 ºC.

Coloque em local de sombra parcial protegida dos ventos de verão mais secos.

Gostou deste artigo?
Então leia a nossa Revista, subscreva o canal da Jardins no Youtube, e siga-nos no Facebook, Instagram e Pinterest.


Poderá Também Gostar