Tarefas da Semana

Tarefas da semana: 16 a 22 de maio

No dia 18 e 19 plante espécies fruteiras

Diospireiro

Origem

O diospireiro que encontramos em Portugal (Dyospiros kaki), da família das Ebenaceae, é uma árvore exótica trazida da China há alguns séculos.

Propriedades medicinais

O dióspiro é um excelente fruto para a saúde ocular, graças à sua riqueza em vitamina A e B. Ajuda a combater a hipertensão e o colesterol.

Melhora a estrutura da pele e cabelos, e é uma mais valia para o aparelho digestivo.

Como cultivar?

O diospireiro é uma árvore muito resistente a pragas e doenças e de boa longevidade produtiva.

Perde a folha no outono, sendo comum ver diospireiros despidos de folhas com os seus frutos ainda pendurados.

As covas para cultivo da árvore devem ter 60 x 60 x 60 cm, bem adubadas.

Condições de cultivo

Zonas de sol, abrigadas dos ventos.

Solos vários desde que húmidos.

Benéficas nos meses muito secos.

Adubar com estrume animal ou composto vegetal.

Nos dias 16 e 22 plante flores e arbustos

Urze

Origem

A urze (Calluna vulgaris) é a única espécie deste género na família das Ericaceae. É um arbusto perene de baixo crescimento encontrado amplamente na Europa e Ásia Menor, em solos ácidos.

Propriedades medicinais

O mel de urze é um produto muito valorizado e antigamente a urze era usada para tingir a lã de amarelo e curtir couro.

Esta planta tem sido usada nalgumas medicinas tradicionais como chá para o tratamento de distúrbios renais e do trato urinário.

Como cultivar?

Cultive esta ornamental em conjunto com outras plantas e arbustos rasteiros, seja em ambiente exterior ou interior com luz solar directa.

Produzem flores durante todo o ano, sendo uma alternativa para canteiros e floreiras durante a época de outono-inverno.

Esta espécie é calcífuga, limitando-se a solos ácidos ou muito ácidos. Em termos de textura, podem ser secos ou arenosos até aos pantanosos.

Condições de cultivo

Sol directo ou meia sombra.

Solos de todos os tipos e texturas.

Regas frequentes para manter a humidade.

Fazer adubações com compostos acidificantes.

No dia 17 semeie plantas de folha

Cerefólio

Origem

O Anthriscus cerefolium também pertence às Apiaceae. É nativo do Cáucaso mas logo foi disseminado pelos romanos ao longo de grande parte da Europa.

Propriedades medicinais

O cerefólio teve vários usos na medicina popular, alegando-se que é útil contra problemas do foro digestivo.

Também é usado para reduzir a tensão alta e tem propriedades estimulantes suaves.

Como cultivar?

O transplante de cerefólio pode ser difícil devido à sua longa raiz aprumada, por isso semeie em local definitivo.

Prefere um local fresco e húmido, caso contrário tende a florescer e produzir sementes precocemente.

É cultivado como uma cultura de estação fria, devendo ser plantada no início da primavera e no final do outono, ou em estufa de inverno.

Condições de cultivo

Sol directo ou parcial.

Solos vários de textura média.

Regas espaçadas.

Fazer adubações orgânicas antes da sementeira.

Poderá Também Gostar