Decoração Jardins Plantas Ornamentais

Vedações floridas são tão bonitas!

Sebe de Ipomoea indica

A utilidade de certas plantas ornamentais na horta é bem conhecida, mas o caráter estético é sem dúvida o que prevalece quando se trata de “enfeitar” as velhas cercas de rede, transformando-as em belas vedações floridas.

Leia mais: Vídeo: Como escolher e cuidar de trepadeiras floridas

Ao passear no parque da Quinta da Granja, dá gosto ver a enorme diversidade de espécies floridas que enfeitam cada talhão. Das clássicas roseiras ao exótico maracujá-banana, encontrei nada menos do que dez espécies diferentes, no curto trajeto entre quatro abrigos.

A sebe mais utilizada é a madressilva; penso que foi plantada logo na definição dos talhões pela Câmara de Lisboa.

Arco coberto com Madressilva

Podem ver pelas imagens que há muitas formas de aproveitar uma vedação de rede: com videira ou chuchu, de belas folhas largas, com o perfumado jasmim ou as tradicionais sardinheiras, nas suas variedades remontantes.

Sebe de Videira

Leia também: Vinha-virgem: tons de outono nas paredes e muros 

Encontrei ainda um pé de groselheira carregado de frutos e a robusta Ipomoea indica, de belas flores azuis (infelizmente, de carácter invasor).

As roseiras trepadeiras adaptam-se bem a estas condições e oferecem proteção adicional com os seus espinhos.

Sebe de roseira

Leia mais: Vídeo: Como plantar uma roseira trepadeira

Quanto à minha horta, continuo a colher tomate e alface, mas a grande novidade do mês são os primeiros piripíris maduros. Deixo-vos também uma imagem da sécia-paliteira em flor, uma espécie nova para mim que se obtém por sementeira.

Sempre a aprender…

Gostou deste artigo? Subscreva o canal da Jardins no Youtube e siga-nos no Facebook e no Instagram.

Poderá Também Gostar