Aromáticas e Medicinais

Guia: cultivar plantas aromáticas em casa

Quer começar a cultivar mesmo sem ter um espaço exterior? Então este artigo é para si.

Não ter um jardim, uma varanda ou um terraço não é razão para não ter algumas plantas dentro de casa. Para começar, aconselhamos as plantas aromáticas, como salsa, coentros, hortelã, cebolinho e manjericão.

Não é preciso nada de especial: recipientes vários; pelo menos cinco horas de luz por dia (se tiver sol direto, melhor); um substrato próprio para plantas aromáticas e água para regar.

Deixamos-lhe algumas sugestões para cultivar aromáticas. E não se preocupe: o “dedo verde” é um mito. Toda a gente consegue cultivar plantas –  é simples e intuitivo.

Veja também as fotos da galeria e inspire-se com os exemplos de jardins aromáticos interiores.


Guia para tratar das cinco plantas aromáticas essenciais

 

cebolinho

Cebolinho.

Cebolinho  (Allium schoenoprasum)

Exposição solar – Sol

Solo – Solo ligeiro, fresco e muito bem drenado, não tolera qualquer encharcamento. Bastam-lhe cerca de 10-15 cm de profundidade para se desenvolver

Floração – Setembro – outubro ( roxa)

Ciclo de vida – Anual

Sementeira/plantação – Sementeira março – abril, plantar em qualquer época do ano

Densidade de plantação – 6-8 plantas/m2

Floreira– Mínimo 20-30 cm de comprimento ou diâmetro (1-2 plantas por vaso/floreira)

Colheita – Qualquer altura do ano

Necessidades em água – Evitar o excesso de água e a secura extrema

Manutenção – Vá cortando à medida das suas necessidades, quando reparamos que o cebolinho está a ficar amarelo, 100% das vezes é água a mais, para a recuperar corte a parte amarela na totalidade e não regue até a planta voltar a ficar verde

Propriedades – Condimentar

 

coentros

Coentros.

Coentros (Coriandrum sativum) 

Exposição solar- Sol

Solo – Qualquer tipo de solo

Floração – Maio – setembro (branca)

Ciclo de vida – Anual

Sementeira/plantação – Sementeira março – abril, maio-junho – julho – agosto; plantar em qualquer época do ano

Densidade de plantação – 6-8 plantas/m2

Floreira ø 15-20 cm – 2 a 3 plantas sozinhas num vaso.

Colheita – 2 meses após a sementeira ou 15 dias a 1 mês após a plantação

Manutenção – Vá cortando à medida das suas necessidades; convém ter em quantidade semeado em várias épocas do ano. Devem ser cultivados sozinhos pois por vezes inibem a germinação de sementes de outras plantas

Necessidades em água  – Não gosta de água em excesso nem da secura extrema

Propriedades – Condimento (quer as folhas quer as sementes); a sua infusão é um excelente combatente da fadiga e enxaquecas

 

Hortelã-pimenta.

Hortelã-pimenta (Mentha sp)

Exposição solar – Sol e meia sombra

Solo – Qualquer tipo de solo desde que húmido

Ciclo de vida – Vivaz

Floração – Junho – setembro (branca)

Sementeira/plantação – Outono ou primavera

Densidade de plantação – 2 plantas/m2

Floreira ø 20-30 cm – 1 planta

Colheita das folhas – 15 dias após a plantação

Manutenção – Deve plantar-se obrigatoriamente sozinha num vaso grande ou pequeno pois é muito invasiva e não deixa crescer mais nada

Necessidades em água – Não aguenta a secura, necessita de regas frequentes

Propriedades – Condimentar. Em infusão é digestiva, combate a prisão de ventre, alivia as dores de cabeça e as dores reumáticas

 

Manjericão  (Ocimum basilicum) 

manjericao

Manjericão.

Exposição solar – Sol pleno

Solo – Rico em matéria orgânica,

Ciclo de vida – Anual

Floração – Setembro – outubro (branca)

Sementeira/ plantação – A partir de abril

Densidade de plantaçãono terreno – 12 plantas/m2

Floreira – 30-40cm (comprimento ou diâmetro); coloque 5-6. Gosta de um vaso só para ele

Colheita – 15 dias a 1 mês após plantação

Manutenção – Se não consumir regularmente manjericão tenha o cuidado de o aparar todos os 15 dias para fomentar o crescimento de novas folhas. Pode combinar com tomate pois o aroma do manjericão afasta os insetos e protege o tomateiro

Necessidades de água – Gosta de regas regulares

Propriedades – Condimentar, aromática e decorativa, dependendo do gosto

 

salsa

Salsa.

Salsa  (Petroselium crispum)

Exposição solar – Meia sombra

Solo – Solo ligeiro e fresco, bastam-lhe cerca de 20 cm de profundidade para se desenvolver

Ciclo de vida – Bienal

Floração – Setembro – outubro (amarela)

Sementeira/plantação – Março – maio

Densidade de plantação – 6-8 plantas/m2

Floreira– 4-5 plantas (floreira 30-40 cm de comprimento ou diâmetro)

Colheita – 2 meses após a sementeira, 15 dias a 1 mês após a plantação.

Necessidades em água – Gosta muito de ser regada

Manutenção – Se tiver o cuidado de manter a salsa na meia sombra e for cortando à medida que necessita terá salsa todo o ano. Se consome muito plante vários pés

Propriedades – Condimentar. O seu consumo tem benefícios para o aparelho digestivo: alivia os gases e a acidez no estômago. Estimula a função renal, regulariza o período menstrual e regulariza o açúcar no sangue

Fotos: Thinkstock

Poderá Também Gostar