Plantas Ornamentais

Melaleuca, uma planta resistente à água salgada

A floração tem pouca expressão (flores brancas que parecem escovilhões)

Quando pensamos na conceção de um jardim incluímos quase sempre uma sebe ou uma vedação verde. Na escolha de determinada planta para funcionar como sebe num jardim devemos ter em conta diversos aspetos. Em primeiro lugar, um desses aspetos é a sua função dado que pode ser meramente decorativa ou ter uma função prática como o aumento da privacidade, da segurança, servir de corta-vento ou até estabelecer os limites de uma propriedade. Em segundo lugar, na escolha da sebe deverão ser consideradas várias condicionantes tais como o clima, a exposição ao sol, ao vento ou à salinidade pela proximidade do mar. No que diz respeito à condução das sebes, importa referir que podem ser podadas para manter uma determinada forma e altura mas também podem crescer livremente mantendo a sua forma natural.

Sebe de Melaleuca em vaso de 19 cm com cerca de 1 m altura após a plantação

Rústica e resistente

A Melaleuca é um arbusto de folha persistente e de crescimento muito vigoroso, ao ponto de se tornar uma árvore com vários metros de altura se for deixada crescer livremente. É, atualmente, uma das sebes mais utilizadas nos jardins quando a opção é o crescimento rápido, para conseguir obter privacidade no jardim em pouco tempo. Em condições normais, consegue-se uma vedação com dois metros de altura ao fim de dois anos de crescimento. A sua rusticidade é outra das características importantes, dado que tolera muito bem a plena exposição solar, o calor e a salinidade.

Espécie: Melaleuca armillaris

Família: Myrtaceae

Origem: Austrália

Descrição: Arbusto ou pequena árvore de folha persistente que pode chegar aos 6 m altura. As folhas são pequenas “agulhas”. Flores brancas em forma de “escovilhão”.

Condições ambientais: Adapta-se a uma grande variedade de solos e situações. Melhor em pleno sol e em solos arenosos.  Responde bem às podas regulares, mas não ao transplante.

Utilização: Ideal para sebes em pleno sol e junto ao mar entre os 2 e 3 m de altura.

Sebe aparada com forma arredondada

Plantação

A Melaleuca tolera bem todo o tipo de solos, inclusive os mais argilosos, mas requer regas regulares no inicio da sua implantação. Ao fim do primeiro ano, as regas já poderão ser mais espaçadas. O compasso de plantação pode variar entre os 50 cm a 1 m entre plantas, de acordo com a sua dimensão e a urgência que temos na formação de uma sebe mais densa. Facilmente se consegue arranjar em qualquer centro de jardinagem plantas com diferentes dimensões, sendo que as mais comuns são em vaso 8 cm com 20/30 cm, em vaso 12 cm com cerca de 30/50 cm de altura ou em vaso 19 cm com cerca de 1/1,20 m de altura (preços entre os €1,4 e os €10).

Poda

Para manter a forma e dimensão sem perder o controlo, deve ser podada três a quatro vezes por ano, garantindo assim que não fica com um ar seco depois de a cortar. Para evitar que a sebe fique com troncos grossos e despida por baixo, deve ser podada regularmente logo desde pequena. Se for necessário, também se podem realizar podas severas dado que rebentam e se regeneram muito facilmente. Um fator muito importante no corte da Melaleuca é ter o corta-sebes ou a tesoura bem afiadas, uma vez que as suas folhas são muito finas e delicadas, esgarçando facilmente se forem cortadas com ferramentas desgastadas. As sebes em geral e a Melaleuca em particular não devem ser cortadas sob Sol intenso para não secarem as pontas das folhas depois do corte.

Fotos: Tiago Veloso

Gostou deste artigo? Subscreva o nosso canal no Youtube e siga-nos no Facebook, no Instagram e no Pinterest.

Poderá Também Gostar