Hortícolas e Frutícolas

Ananás, delicioso e saudável

O ananás-comum (Ananas comosus) é uma herbácea da família das Bromeliaceae, originária do Brasil e Paraguai. Existem outras espécies de ananás, de fraco ou nulo valor e expressão comerciais. Ananás e abacaxi são nomes comuns para a mesma planta, da qual existem diversas variedades.

O chamado abacaxi que se encontra nos supermercados é habitualmente cultivado nas Américas, é mais alongado com uma coroa alta e mais doce. O ananás que se cultiva em Portugal é mais achatado, com um coroa pequena e baixa. Possui sabor mais aromático, mas agridoce. Enquanto que o nome abacaxi tem origem na língua tupi, o nome ananás tem origem nas línguas guarani e tupi antigo. Os nativos sul-americanos já cultivavam e apreciavam os ananases. Quando os primeiros europeus chegaram à América do Sul, também apreciaram esse fruto, que consideraram (e não só pela coroa) o rei dos frutos.

Durante vários séculos, os ananases foram um símbolo de prestígio na Europa, dada a dificuldade de cultivo e os preços muito altos. Com a melhoria dos transportes marítimos e o início do enlatamento, os ananases espalharam-se a um preço acessível por todo o globo.

Ananases a crescer em estufa, Faja de Baixo, Açores

Cultivo e colheita

Em Portugal, o ananás é cultivado principalmente na ilha de São Miguel, em estufas de vidro pintadas de branco, utilizando camas de matéria orgânica. São ananases de grande qualidade, de longo período de maturação, com um sabor rico, agridoce. São frutos que costumam ter maior procura na época das festas de Natal e de Ano Novo. Portugal importa da Costa Rica, Brasil e outros países, como a Tailândia e as Filipinas, ananases frescos ou enlatados. Os cinco maiores produtores do mundo são a Costa Rica, o Brasil, as Filipinas, a Tailândia e a Indonésia. A África está a aumentar bastante a área cultivada, em países como o Quénia e a Tanzânia.

A maneira mais fácil de propagar os ananaseiros é através das coroas dos frutos, ou dos rebentos laterais das plantas; no entanto também pode ser propagado por sementes. Podemos enraizar a coroa num vaso com terra, mantendo a terra húmida e o vaso num local quente, mas sem sol direto, ou em água.

Em plantações altamente industrializadas, o cultivo do ananás é feito com recurso a grandes quantidades de fertilizantes sintéticos e pesticidas, muitas vezes em más condições de trabalho.

Existem diversas variedades comerciais, sendo algumas das mais cultivadas a ‘Pérola’, ‘Rei’, ‘Meli Kalima’, ‘Gomo de Mel’ ou a ‘Smooth Cayenne’. O ananás deve ser colhido já maduro, para se usufruir do seu sabor em condições ótimas.

Manutenção

Sendo cultivado num local abrigado do jardim, sem geadas e a pleno sol, ou num vaso grande (acima de 25 L), podemos almejar um dia colher ananases. Se tivermos uma estufa ou estufim, a nossa tarefa será facilitada.

Temos de ter em atenção aos indícios do aparecimento de pragas, como a cochonilha, principalmente em estufa, onde muitas vezes a humidade do ar se torna favorável ao surgimento de pragas e doenças, ou o arejamento não é o mais apropriado. Devemos manter o ananaseiro livre de plantas infestantes e regar com abundância nos meses secos. Convém termos em mente que o ananás é uma fruta de desenvolvimento lento e podemos ter de esperar muito entre a floração e a colheita do ananás.

Pragas e doenças

A cochonilha é uma das pragas que mais afeta os ananaseiros, sobretudo em estufas; é sempre melhor prevenir do que ter de recorrer a tratamentos químicos. Os nemátodos também afetam o cultivo do ananás. Quanto a doenças, são vários os fungos e vírus que podem atingir os ananaseiros, sendo a mais grave e mais comum a fusariose.

Propriedades e usos

O ananás tem propriedades digestivas e diuréticas e é um fruto com baixas calorias. Depois de estar maduro, deve ser consumido rapidamente, para não ficar estragado. É uma boa fonte de vitaminas A e B1 e também possui alguma vitamina C. Também é rico em cálcio, magnésio, potássio e ajuda a combater a hipertensão. O ananás é a fruta com maior comercialização enlatada, mas também é consumida fresco, sendo usado em bolos, gelados, sumos e refrigerantes, visto ser um fruto muito versátil.

As folhas da planta podem ser usadas em artesanato e tecelagem.

Aproveite para ler: Ananás: uma fonte de fibras têxteis

Ficha técnica dos ananases (Ananas comosus)

Origem: Sul do Brasil e Paraguai

Altura: 60-90 cm.

Propagação: Vegetativa, também por semente.

Plantio: Primavera.

Solo: Terrenos frescos, ricos em matéria orgânica.

Clima: Frágil em Portugal continental.

Exposição: Zonas abrigadas e de pleno sol.

Colheita: Varia. Pode demorar até 18-24 meses.

Manutenção: Sachas e regas

Fotos: Thinkstock

Gostou deste artigo? Siga-nos no Facebook, no Instagram e no Pinterest e subscreva o nosso canal no Youtube

Poderá Também Gostar