Plantas

O que está bonito em abril

Em abril as florações começam um pouco por todo o lado, é a explosão da primavera. Árvores, arbustos e herbáceas invadem de cor e aroma os jardins, os terraços e os campos. Ninguém fica indiferente à floração das olaias e das giestas, entre outras que são indispensáveis para quem quer cor no seu jardim.

Olaia ou árvore-Judas

Olaia ou árvore-Judas (Cercis siliquastrum)

Uma pequena árvore de floração exuberante tem como particularidade as flores aparecerem antes das folhas, quando estas caem formam extraordinários tapetes cor-de-rosa. É muito ornamental e como não é muito grande pode ser utilizada em grande parte dos jardins.

Altura e diâmetro: 3-5, 4 -5 m

Propagação: Por semente.

Época e cor da floração: Primavera, cor-de-rosa (as flores surgem antes das folhas).

Época de plantação: Outono, inverno e primavera.

Condições de cultivo: Sol. solos secos, rochosos e bem drenados. Crescimento rápido.

Rega: Precisa de ser regada no período pós plantação (1 ano), depois é muito resistente à secura.

Manutenção: Quando mais velha pode necessitar de podas de limpeza.

Lilás-da-Califórnia

Lilás-da-Califórnia (Ceanothus thyrsiflorus “repens”)

Um arbusto muito resistente com uma floração azul inconfundível, existem vários tipos de lilás-da-califórnia, desde arbustos com 1 a 2 m de altura até variedades rasteiras que são excelentes para taludes, revestimento de canteiros, vasos e floreiras.

Altura e diâmetro: Até 1 m, 1-1,5 m.

Propagação: Por estaca.

Época e cor da floração: Primavera e verão, azul.

Época de plantação: Qualquer altura do ano.

Condições de cultivo: Sol e calor ou meia sombra, solo rochoso, solos de todo o tipo, desde que bem drenados. Aguentam ar do mar e alguma salinidade no solo.

Rega: Necessita de regas quando está muito calor.

Manutenção: Deve fazer-se uma poda anual a seguir à floração. É um arbusto de crescimento muito rápido.

Brincos-de-princesa

Brincos-de-princesa (Fuchsia hybrida)

É uma herbácea indispensável em qualquer jardim, varanda ou terraço, em vaso, floreira ou canteiro. Quando entra em floração ninguém fica indiferente. Há brincos-de-princesa de mil e uma formas e de mil e uma cores, para todos os gostos e para todos os locais.

Altura e diâmetro: Até 0.8-1m, 0.5-0.8 m.

Propagação: Por estaca.

Época e cor de floração: Primavera e verão, branco, cor-de-rosa, encarnado.

Época de plantação: Primavera

Condições de cultivo: Meia sombra. solo fértil e bem drenado. Não gosta de sol direto.

Rega: Regar apenas quando o solo está seco, pulverizar no verão quando o ar está muito seco.

Manutenção: Podar ligeiramente no inverno para estimular a floração na primavera, pode aproveitar estes caules que retira para fazer estacas para mais plantas.

Giesta-das-vassouras

Giesta-das-vassouras (Cytissus scoparius)

Nesta época do ano os campos ficam cheios de giestas em flor, manchas de amarelo intenso pintam a paisagem e anunciam a primavera. É um excelente arbusto para utilizar em maciços ou em sebes floridas em jardins campestres.

Altura e diâmetro: Até 2 m, 1-1,5 m.

Propagação: Por estaca.

Época e cor da floração: Primavera e verão, amarelo.

Época de plantação: Qualquer altura do ano.

Condições de cultivo: Sol e calor. solo rochoso, solos de todo o tipo, desde que bem drenados.

Rega: Muito resistente à secura, só se deve regar em épocas de calor extremo.

Manutenção: É uma planta muito rustica, que exige poucos ou nenhuns cuidados de manutenção. Pode podar-se a seguir à floração para reduzir o tamanho.

Massaroco

Massaroco (Echium candicans)

Um arbusto da flora da macaronésia e que é endémico da Madeira, as suas flores enormes e azuis criam manchas de cor únicas na paisagem e nos jardins. Muito resistente ao vento marítimo.

Aaltura: Até 1,5 m, 1-1,5m.

Propagação: Por estaca ou semente.

Época e cor da floração: início da primavera, roxo-azulado.

Época de plantação: Primavera ou outono.

Condições de cultivo: Sol, boa drenagem, qualquer tipo de solo, resistente ao vento e proximidade do mar.

Rega: Muito resistente à secura, regar só nos períodos mais quentes quando o solo está muito seco.

Manutenção: Planta muito rústica que não necessita de cuidados especiais de manutenção. Cortar as flores após a floração para evitar o aparecimento de pragas e doenças.

Fotos: Thinkstock

Gostou deste artigo? Siga-nos no Facebook, no Instagram e no Pinterest e subscreva o nosso canal no Youtube

Poderá Também Gostar