Guia de Compras

5 dicas para poupar na compra de plantas

poupar na compra de plantas

Tal como muitos apaixonados por plantas, provavelmente não consegue entrar num horto ou num viveiro sem comprar mais uma para adicionar à coleção. O coração e olhos gostam, mas a carteira… nem por isso!

Não se preocupe. Existem vários cuidados que pode ter para que a sua paixão por plantas não pese muito no orçamento. Conheça cinco dicas propostas pela especialista Gayla Trail, no livro You Grow Girl.

Fique atento aos saldos

A forma mais óbvia de poupar dinheiro nas plantas é aproveitar os saldos. Na primavera, é costume haver reduções de preços temporárias em hortos e viveiros.

Compre fora de época

O outono é uma boa altura para plantar plantas perenes e é também quando muitas lojas que vendem plantas estão a livrar-se de stock. Por isso, os preços são muitas vezes mais baixos – aproveite. As perenes poderão ter um aspeto menos apelativo mas conseguem recuperar, se não tiverem doenças ou pragas.

Aproveite as feiras

Em muitas localidades, há feiras e mercados onde é possível encontrar preços abaixo da média. Procure as plantas em vaso, já crescidas ou ainda jovens. As aromáticas são muito comuns neste tipo de locais.

Fique atento às exposições

Nas exposições de flores também é frequente haver venda de plantas. Nem sempre se fazem os preços mais baixos, mas se procurar bem poderá encontrar algumas ofertas que valem a pena.

Faça trocas

Não há nada melhor do que o grátis. Troque estacas de plantas com os seus amigos ou outros jardineiros, para depois as propagar. A propagação permite-lhe multiplicar as suas plantas a custo zero. Aprenda aqui a fazê-lo. Também pode trocar sementes. Porque não mesmo organizar trocas regulares em grupo?

Outras dicas

•  Quando for comprar plantas, prepare de antemão uma lista de compras. Isto vai ajudá-lo a manter-se no orçamento.

•  Leve consigo um mini guia de plantas ou vá preparado com o smartphone. Isto porque, na sua ida às compras, poderá encontrar plantas que gostaria de levar, mas cujas necessidades desconhece. Se for preparado com informação, não se vai surpreender com plantas que não se adaptam às condições da sua casa ou jardim ou que são demasiado exigentes para si.

Foto: Sara Sousa

Poderá Também Gostar