Hortícolas

Hortícola do mês: Coentros

Uma das plantas aromáticas mais usadas na culinária em Portugal e que não pode faltar na horta.

Cortar coentros sobre uma base

Coentros

28 Kcal, ricos em cálcio, potássio, magnésio e ferro

Os coentros (Coriandrum sativum) são uma planta herbácea anual, pertencente à família das Apiáceas. Dentro das plantas aromáticas e medicinais, juntamente com a salsa, os coentros são uma das plantas mais utilizadas na cozinha mediterrânica.

Além da utilização das folhas em fresco, as suas sementes podem ser secas, moídas e também utilizadas como condimento.

Ficha técnica

Altura: 20-30 centímetros.

Época de plantação/sementeira: Pode ser realizada entre fevereiro e setembro. É importante fazer sementeiras escalonadas, de forma a obter plantas ao longo do ano.

Local de cultivo aconselhado: Adaptam-se a quase todos os tipos de solo, tendo preferência por solos ligeiros, bem drenados e com algum teor de matéria orgânica.

Manutenção: Os coentros são uma planta sensível no que toca à rega. Esta deve ser regular durante todo o ciclo, sem provocar o encharcamento do solo, devendo ser realizada nas horas mais frescas do dia. O controlo de plantas infestantes é muito importante, uma vez que estas competem com os coentros pela água, nutrientes e luz.

Condições ótimas de cultivo

É uma planta exigente em luz e pouco tolerante ao vento. Está bem adaptada a quase todos os tipos de solo, tendo preferência por solos ligeiros, bem drenados e com um teor de matéria orgânica significativo. Pode ser cultivada durante todo o ano, apesar de ser uma cultura mais tolerante a temperaturas mais elevadas. A temperatura ótima para o crescimento desta planta é de 20 °C.

Sementeira e/ou plantação

A sementeira dos coentros pode ser realizada entre fevereiro e setembro. É importante fazer sementeiras escalonadas para obter plantas ao longo do ano.

Podem ser semeados diretamente no local onde vai ser produzido, com um espaçamento entrelinhas de 20-30 cm e de 10-15 cm entre plantas na mesma linha. A profundidade da sementeira deve ser proporcional ao tamanho da semente, devendo ser feita a 1 cm de profundidade. As sementes germinam ao fim de 15 dias.

Se optar por semear coentros em vaso, deve utilizar um substrato adequado e deve dispor as sementes de forma uniforme. Quando as plântulas atingirem uma altura de cerca de 8 cm, deve arrancar algumas para diminuir a competição e promover um melhor crescimento.

Os coentros podem atingir 60-80 cm de altura em condições ótimas de crescimento e sem cortes. É uma planta cujas folhas são muito recortadas, de uma cor verde-pálida e cujas sementes são esféricas, com nervuras e de cor castanha.

Coentros

Rotações e consociações favoráveis

Consociações favoráveis: Alho-francês, espargo, milho, rabanete, tomate.

Consociações desfavoráveis: Alface, ervilha, feijão, repolho.

Cuidados culturais

Os coentros são uma planta sensível às condições de cultivo, em especial no que toca à rega. Esta deve ser regular durante todo o ciclo, sem
provocar o encharcamento do solo, devendo ser realizada nas horas mais frescas do dia. Deve regar-se muitas vezes (pouca quantidade de água de cada vez) e sempre que a superfície do solo esteja seca.

Logo que surjam, as hastes florais devem ser cortadas de forma a estimular o aparecimento de mais folhas durante um maior período de tempo.

O controlo de plantas infestantes é muito importante, uma vez que estas competem com os coentros pela água, nutrientes e luz.

Colheita

A colheita dos coentros, apesar de o seu ciclo cultural poder estender-se até aos 120 dias, pode ser feita entre 40-50 dias após a sementeira e pode ser prolongada por 3-4 meses. Esta deve ser feita de forma escalonada e antes de iniciar a fase de floração.

As primeiras folhas a serem cortadas devem ser as exteriores, promovendo assim o crescimento das folhas mais pequenas.

O ideal é fazer a colheita durante a manhã, visto que a concentração de óleos essenciais é maior, trazendo assim mais benefícios.

 

Texto: Agrobio

 

Gostou deste artigo? Então leia a nossa Revista, subscreva o canal da Jardins no Youtube, e siga-nos no Facebook, Instagram e Pinterest.

Gostou deste artigo?
Então leia a nossa Revista, subscreva o canal da Jardins no Youtube, e siga-nos no Facebook, Instagram e Pinterest.


Poderá Também Gostar