Pragas e Doenças

Podridão cinzenta

podridão cinzenta

Fique a conhecer as principais características desta doença e como combatê-la.

Designações da doença

Botritis ou podridão cinzenta (Botrytis cinérea, Pears).

Características

Doença causada por um fungo parasita, que se propaga com ocorrência de chuvas ou humidade perto dos 93-95% e temperaturas entre 15-25ºC.

Ciclo biológico

O fungo passa o Outono-Inverno nos ramos, sob a forma de manchas escuras, irregulares e levemente empoladas, os “esclerotos”. Na primavera, em condições favoráveis, os “esclerotos”, dão origem aos Conídeos que podem infetar as plantas e causar perdas elevadas. A entrada dá-se por feridas provocadas por cortes da poda, lesões de crescimento ou por picadas de insetos. O transporte deste fungo é feito pelo vento e pela agua das chuvas.

Plantas mais sensíveis

Videira, morangueiro, framboesa e algumas ornamentais.

Danos/sintomas

Esta doença atinge as flores, frutos, caules e folhas. Os frutos infetados mantém-se na planta, “mumificam” e ficam cobertos com pó branco acinzentado. Em algumas plantas, pode ver-se necroses nas folhas que inicialmente são pequenas e amarelas, tornando-se largas e acinzentadas ou castanhas escuras, com aspeto esponjoso ou encortiçadas. Nos caules o ataque pode causar um pequeno cancro ou necrose que rodeia o caule.

Combate biológico

Prevenção/aspetos agronómicos

Se possível, utilizar variedades menos sensíveis; métodos de condução arejados e compassos mais largos; fazer podas, sem ferir as plantas; não sujeitar as plantas a stress hídrico; manter as plantas com vigor adequado (não aplicar muito azoto); remover todas as plantas infetadas; aplicar uma boa camada de “mulching” de palha entre as plantas.

Luta química biológica

Efetuar quatro tratamentos com fungicidas com cobre (sulfato de cobre) ou mesmo calda Bordalesa. Poderá juntar lithothame à sua calda.

Luta biológica

Com fungos antagonistas como o Trichoderna harzianum.

Foto: Pedro Rau

Gostou deste artigo? Subscreva o canal da Jardins no Youtube e siga-nos no Facebook e no Instagram.

Poderá Também Gostar