Passo a Passo

Mini jardim para fazer em família

A alegria, paciência, sensibilidade, criatividade, empatia e sociabilidade são alguns dos benefícios apontados ao ato de jardinar com os mais pequenos. Outras noções também interiorizadas são a higienização, responsabilidade e rigor científico. Além disso, os mais novos podem promover o conhecimento relativo aos ciclos da Natureza e o respeito pelo meio ambiente. A nível físico, a jardinagem fortalece a imunidade, dado existir um contacto direto com microrganismos, para além do desenvolvimento da motricidade fina e capacidade de concentração.

É importante para a criança perceber que as plantas necessitam de cuidados, e ensinar-lhe isto com a ajuda de truques ou dicas é um momento precioso na comunicação e interação entre pais e filhos. A descoberta de ferramentas alternativas às tradicionais pode ser um jogo divertido, aprendendo a reutilizar certos objetos que temos esquecidos por casa e a reciclar muitos materiais.

Jardins mágicos em miniatura

Em conjunto com a criança, construa um mundo mágico! Seja um deserto com cowboys e índios, um jardim de princesas, uma floresta com duendes e unicórnios, um parque jurássico, ou uma paisagem paradisíaca. Reutilize os bonecos mais pequenos que estejam esquecidos ou aqueles a que queira dar mais destaque.

Material necessário:

  • Recipientes vários: caixas, terrina, guarda-joias, etc. Se não for apropriado para conter água, deve forrar o interior com um saco de plástico.
  • Argila expandida, ou, em alternativa, gravilha ou pedrinhas.
  • Manta geotêxtil (opcional).
  • Substrato vegetal universal ou para catos.
  • Plantas robustas, como suculentas ou catos (cuidado com os picos! – usar luvas de jardinagem ou folhas de jornal para pegar nas plantas espinhosas).
  • Água, que deve ser cuidadosamente manuseada (com um conta-gotas, por exemplo).
  • Coisas engraçadas feitas por cada um ou em grupo ou brinquedos pequeninos, conforme o gosto da criança.

Passo a passo

Coloque no fundo do recipiente uma camada de pedrinhas.

Tape a camada de pedrinhas com manta geotêxtil cortada ao tamanho do recipiente.

Plante as suculentas ou catos no substrato adequado.

Dê asas à imaginação e construa minúsculas paisagens com pedrinhas decorativas, pequenos galhos, berlindes, areia colorida. E use os bonecos para tornar tudo mais rico e mágico: pequenos animais, princesas, carrinhos… Se preferir, pode desenvolver personagens minúsculas em cartão rígido (cuidado com a água) ou moldar em plasticina.

A Mini Mô Gardens desenvolve jardins em miniatura, uma forma de estar em contacto com a Natureza para quem tem pouco espaço e tempo, utilizando plantas pouco exigentes a nível de cuidados, como as suculentas e os catos. Os vasos são sobretudo pensados para as crianças, decorados com elementos naturais e outros associados à magia e ao imaginário infantil.

Fotos: Elisabete Vila Viçosa

Gostou deste artigo? Subscreva o nosso canal no Youtube e siga-nos no Facebook, no Instagram e no Pinterest.

Poderá Também Gostar