Plantas Ornamentais Pragas e Doenças

Preparar o jardim para o frio

O jardim de inverno pode ser um local de cheiro, cor e bem estar, não importa qual a localidade onde nos encontramos, basta estarmos atentos e fazer a manutenção apropriada para esta época do ano que está quase a chegar.

A ideia generalizada é a de que no inverno não temos cor ou vida no jardim. Esta afirmação é muito pobre e fora da realidade. No inverno as plantas sofrem transformações e respondem às condições ambientais. Quando planeamos um jardim ou renovações devemos ter em conta a textura e cor das folhas, a tonalidade dos caules, bem como as épocas de floração e se as plantas têm ou não bagas. Podemos fazer a introdução de algumas espécies agora em novembro como amores-perfeitos e ervilhas de cheiro. A plantação de bolbos que florescem na primavera também deve ser feita podemos plantar, por exemplo, túlipas, jacintos e crocus.

Drenagem

O sistema de drenagem, se existir, deve ser revisto e deve ser feita a limpeza dos canais, calhas e sumidouros para que o escoamento de água em excesso seja garantido. Normalmente os jardins mais pequenos estão confinados por muros ou muretes que, por vezes, impedem que o excesso de água das chuvas saia e a água fica retida dentro do jardim. É recomendado que se criem canais por onde a água possa sair livremente e garantir que o solo e as raízes das plantas tenham ar e água para que toda a microbiologia do solo se mantenha equilibrada e as plantas tenham capacidade de absorver os nutrientes disponíveis no solo.

Rega

Devemos regar unicamente se o solo ficar desprovido de água, se tivermos um inverno seco. Assim as regas devem ser sempre de manhã cedo e somente se houver um período prolongado sem chuva. Devemos estar atentos porque frio não é sinónimo de não regar. As plantas com o frio necessitam de menos água para as suas funções metabólicas por vários motivos, um deles é o de que a planta não transpira tanto como em dias quentes e as necessidades hídricas são menores.

Geada

É um fenómeno natural que ocorre em noites de céu limpo e temperaturas baixas em que se atinge valores iguais ou inferiores a 0º C ao nível do solo. Quando a temperatura atmosférica baixa para estes níveis é recomendado que se faça uma rega muito ligeira por volta das 3 horas ou 4 horas da madrugada para que a água congele e crie uma camada de gelo, cristais brancos, que servem de proteção às plantas (chamada vulgarmente de geada branca), impedindo deste modo que as células dentro da planta congelem rebentando e criando manchas necróticas negras (chamada vulgarmente de geada negra).

O gelo em cima dos relvados não deve ser pisado, assim de manhã se ainda existir gelo em cima do relvado, esperar que o sol derreta o gelo ou, se houver necessidade de pisar a relva, aplicação de água através de uma rega ligeira (um a dois minutos para que o gelo derreta será suficiente).

Poda

As árvores de folha caduca perdem as folhas, devemos aproveitar para fazer podas de limpeza ou de formação. A poda em árvores surge como forma de ajudar a adaptar-se ao local onde está instalada, e não como forma de controlar a árvore. Tem como objetivo garantir árvores estruturalmente equilibradas, saudáveis e esteticamente agradáveis. Por vezes queremos fazer indução floral, assim devemos conhecer muito bem as árvores e arbustos que vamos podar.

  • Botões que florescem em madeira do ano anterior
  • Botões hibernantes têm que passar 1 inverno para florir, não podem ser podadas no inverno (ex. Camélia)
  • Botões que florescem na madeira do próprio ano, são botões prontos (ex. Hibisco) – podem ser podados no inverno.

As podas servem também para promover a circulação de ar dentro do jardim, essencial para que não haja formação de musgos e líquenes nos relvados bem como menor incidência de insetos nas plantas.

Planta com cochonilha.

Limpeza

O frio abranda o metabolismo das plantas e muitas delas perdem as folhas. Devemos então remover as folhas caídas para que não sejam pontos de desenvolvimento de insetos e também pela sombra que provocam nos relvados impedindo a fotossíntese. As plantas devem ser inspecionadas e se houver presença de insetos como pulgões e cochonilhas deve ser aplicado inseticida. Por vezes as folhas apresentam-se com uma capa de pó negro que é fumagina, é um fungo decorrente das meladas provocadas por insetos, é também conveniente tratar e limpar uma vez que impede que as plantas realizem a fotossintese. A limpeza pode ser feita com detergente da loiça diluído em água e com um borrifador para aplicar.

A qualidade de um jardim reflete-se a cada estação do ano, resulta de uma série de operações e técnicas de manutenção, do conhecimento individual de cada espécie, em que o equilíbrio procurado é um equilíbrio dinâmico sempre com novos desafios.

Fotos: Thinkstock

Gostou deste artigo? Subscreva o nosso canal no Youtube e siga-nos no Facebook, no Instagram e no Pinterest.

 

Poderá Também Gostar