Tarefas da Semana

Tarefas da semana: 12 a 18 de abril

A Páscoa foi quente e cheia de sol, mas a chuva vai voltar, o que é excelente para as nossas sementeiras e plantações de primavera.

Estamos em casa, por isso vamos aproveitar para continuar com as sementeiras e plantações, sempre que o tempo o permitir.

Aproveite também para planear o seu espaço e perceber o que quer cultivar.

Esta é a época certa para criar um jardim de aromas ou pequena hora no jardim, ou para transformar a sua varanda num espaço exterior agradável ou a sua marquise num jardim de inverno!

No dia 12, plante e semeie folhas

Chicória

Para que as suas saladas sejam mais variadas e crocantes, cultive já  chicória.

É uma planta herbácea anual da família das alfaces, muito apreciada na culinária francesa, em variados pratos como saladas, sopas e molhos.

Tem um sabor amargo, que se intensifica tanto mais quanto maior forem as horas diárias de exposição solar.

Como cultivar

Para as cultivar com sucesso deve ter um solo bem drenado, rico em matéria orgânica, temperaturas entre 14-16 ºC, sol direto e regas regulares sem encharcar.

Pode semear em tabuleiro ou diretamente no local definitivo, também pode ser facilmente cultivadas em vasos ou floreiras de tamanho grande.

Deve ter o cuidado de mondar regularmente para evitar que as infestantes entrem em competição com as chicórias

A colheita é feita 50-100 dias após a sementeira.

Propriedades medicinais da chicória

São plantas muito ricas em vitamina A, complexo B, C e D bem como em cálcio, ferro e fósforo. Têm propriedades diuréticas, depurativas e laxativas.

Dica antes da colheita

Para que as chicórias não fiquem tão amargas pode priva-las de sol durante 15 dias antes da colheita.

Tape o centro da planta com uma tela, uma vaso ou um prato, se for em vaso coloque num local escuro.

Nos dias 13 e 14, plante e semeie frutos

Ameixeira

Nesta época do ano ainda são muitas as árvores de fruto que pode e deve  plantar.

As ameixeiras são fáceis de cultivar, resistentes e têm a grande vantagem de ter uma floração exuberante no inverno

Como cultivar

Escolha uma zona com muitas horas de sol direto e solo bem drenado. Prepare bem o solo antes de plantar.

Faça uma boa cova de plantação (50 x 50 cm) ou plante num vaso de 50 cm de diâmetro, fertilize a cova com húmus de minhoca ou fertilizante orgânico para árvores de fruto. 

Propriedades medicinais da ameixa

Uma fruta rica em potássio cujo consumo regular contribui para um bom funcionamento da massa muscular. 

Ajuda a reduzir o nível de açúcar do sangue. Antioxidante natural que protege o organismos em geral do envelhecimento e que previne de uma séries de tipos de cancro bem como doenças cardíacas.

Consumidas regularmente regulam o funcionamento intestinal, é excelente medicamento natural contra a obstipação e problemas intestinais.

Nos dias 15, 16 e 17, plante e semeie raízes

Beterraba

6 a 12 de janeiro

Cada vez gosto mais de usar beterraba, principalmente para a confeção de brownies de chocolate saudáveis e deliciosos, pois como esta é muito rica em açúcar, substitui-o na perfeição.

Embora existam muitos tipos de beterraba de várias cores, laranja, roxa, etc a que cultivamos normalmente é a beterraba olerácea encarnada.

É uma hortícola muito fácil de cultivar. 

Condições de cultivo

Pode fazer a sementeira em tabuleiros e depois quando as plantas estão com 5 cm de altura, fazer o transplante para local definitivo, cuidado para não danificar as raízes. 

Devem ser plantadas em linhas afastadas 30 m e entre plantas 5-10 cm.

Gostam de zonas com muita luz e algumas horas de sol direto, temperaturas entre os 10-24 ºC, solos profundos e bem drenados, atenção que não lhes pode faltar o boro para se desenvolverem em boas condições, o ph 6-7,5, regas regulares sem encharcar. 

Colheita

A colheita deve ser feita 60-90 dias após a sementeira, não deixar atrasar para que as beterrabas não fiquem fibrosas. 

Propriedades medicinais e benefícios da beterraba

Tem um sabor adocicado com travo a terra (que é atenuado quando assada), tem muitas propriedades nutritivas e medicinais.

Pode ser consumida fresca, cozida, assada ou grelhada. Os sumos são utilizados para desintoxicar e purificar o organismo e para dietas de emagrecimento.

É pouco calórica, rica em antioxidantes como os carotenoides e flavonoides, rica em minerais como o zinco, magnésio, fósforo, potássio e ferro.

É uma fonte natural de vitamina A,B e C. Tem propriedades anti-inflamatórias, diuréticas, digestivas, desintoxicantes e purificadoras do sangue.

Fortalece o sistema imunitário, estimula a produção de glóbulos vermelhos. Aumenta a concentração e a oxigenação do cérebro. 

Diminui o risco de doenças cardiovasculares, previne problemas de fígado e baço. Estimula o crescimento do cabelo.

No dia 18, plante e semeie flores e arbustos

Prótea

Protea compacta.

As próteas são plantas cada vez mais utilizadas nos jardins em Portugal e que também são muito fáceis de cultivar em vaso ou floreira.

Há muitas diferentes e pode começar já a plantar as suas.

Veja o artigo da revista Jardins deste mês onde se mostra a nova coleção de próteas do Jardim Botânico da Ajuda.

A família das proteáceas existe há 95 milhões de anos, quando os continentes ainda não se tinham separado e os dinossauros habitavam a Terra.

Além de antiga, a família das proteáceas é muito extensa: tem mais de 83 géneros com cerca de 1,660 espécies.

O género Protea tem cerca de 100 espécies. As próteas podem ser pequenos arbustos ou árvores, dependendo da espécie. Estas plantas precisam de solos bem drenados, ácidos e pouco férteis. 

Como cultivar

Gostam de zonas com muitas horas de sol direto, um solo ligeiramente ácido e muito bem drenado.

Se não tiver jardim, também pode tê-las em vasos. Nestes casos, garanta um substrato bem drenado

Cuidados de Manutenção

No primeiro ano, as próteas precisam de mais água, pois as raízes estão a desenvolver-se.

A partir do segundo ano, uma rega por semana em períodos de secura basta.

Este deve ainda ser ácido e não ter fertilizante. No verão, regue abundantemente uma vez por dia e adicione, semanalmente, fertilizante sem fósforo. No outono, faça isto apenas quinzenalmente.

No caso de zonas muito frias, tenha o cuidado de no inverno as proteger com uma manta térmica, própria para plantas e que se vende em hortos, cooperativas e centros de jardinagem.

Gostou deste artigo?
Então leia a nossa Revista, subscreva o canal da Jardins no Youtube, e siga-nos no Facebook, Instagram e Pinterest.


Poderá Também Gostar